Vereador pede a cassação do prefeito Fernando Haddad

Gilberto Natalini (PV) entrou com uma representação no Ministério Público Eleitoral por financiamento ilegal de campanha

O vereador Gilberto Natalini (PV) entrou com uma representação no Ministério Público Eleitoral (MPE) pedindo a cassação do mandato do prefeito Fernando Haddad (PT). O parlamentar usa como argumento o depoimento do empreiteiro Ricardo Pessoa, da UTC Engenharia. Durante as investigações da Operação Lava-Jato, ele afirmou que houve uma doação ilegal de 2,6 milhões de reais à campanha de Haddad em 2012.

+ Taxistas bloqueiam trânsito em frente à Câmara em protesto contra aplicativo Uber

Pessoa denunciou o esquema de caixa 2 em diversas campanhas – incluindo a da presidente Dilma Rousseff (PT), que concorreu à reeleição em 2014 e teria recebido 7,5 milhões de reais não declarados à Justiça Eleitoral.

+ Dilma, Lula e PT compartilham fala de Marieta Severo no Faustão

As acusações contra todos os políticos ainda serão investigadas. “Para nós, não restam dúvidas: a eleição de Fernando Haddad foi ilegítima e ilegal”, escreveu Natalini no documento enviado ao MPE nesta terça (30).

“É um crime eleitoral. Se comprovado, é preciso encaminhar a cassação de Haddad. Ao contrário do que disse Dilma, delação premiada é coisa séria”, afirmou, em entrevista a VEJA SÃO PAULO nesta tarde.

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s