Ronaldo Ayres ensina a fazer pizza na Zona Norte da cidade

Considerado o mestre da panificação paulistana, profissional diz que falta mão de obra local

Os moradores da Rua Jaboatão e arredores, na Casa Verde, Zona Norte, nunca comeram tanta pizza. Desde que foi aberto ali o Centro Tecnológico de Desenvolvimento de Pizzas e Massas do Brasil, mais conhecido como CTP, eles passaram a receber gratuitamente o excedente da produção de pizzas feitas nos cursos ministrados por Ronaldo Ayres. Esse baiano de 50 anos, discípulo de Benjamin Abrahão, tido como o mestre da panificação paulistana, dá cursos semanais ou semestrais sobre a arte de fazer uma boa redonda. “Apesar de serem servidos mais de 40 milhões de pizzas por mês na cidade, ainda falta mão de obra especializada.”

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s