Região da 25 de Março já vende produtos relacionados à Copa

Chocalhos, tambores, apitos, recorecos e uma dúzia de tipos de corneta dominam as prateleiras, também repletas de chapéus, perucas, óculos, bandeiras e máscaras

O pico de vendas de produtos relacionados à Copa na região da Rua 25 de Março começa em maio, mas o maior centro comercial a céu aberto da América Latina já entrou no clima do Mundial da África do Sul. “Pena que o torneio só ocorra a cada quatro anos”, diz Marcelo Mouawad, diretor da Univinco, a associação dos lojistas. “Os negócios nesse período perdem apenas para o Natal.” Pelas bugigangas expostas em boa parte das 3 000 lojas da região, podemos esperar muito barulho quando a seleção entrar em campo. Chocalhos, tambores, apitos, recorecos e uma dúzia de tipos de corneta dominam as prateleiras, também repletas de chapéus, perucas, óculos, bandeiras, máscaras, camisas, bolas e bambolês. “Mesmo com a Páscoa logo aí, metade das nossas vendas já é de artigos da Copa”, comenta Adriana Nunes, gerente da Monita.

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s