Piloto morre após ser atingido por hélice de avião em Mogi Guaçu

Roberto Carlos de Jesus Dias, de 35 anos, trabalhava na pulverização de pomares de laranja

Um piloto de 35 anos morreu após ser atingido na cabeça e no pescoço por uma hélice de um avião agrícola em Mogi Guaçu no início da noite de sexta-feira (6).

+ São Paulo registra a primeira morte por dengue em 2015

Segundo a Guarda Civil Municipal, o caso aconteceu quando Roberto Carlos de Jesus Dias desceu da aeronave para verificar um mapa e, ao se virar, foi golpeado pelo equipamento que estava em rotação. Ele trabalhava na fazenda Sete Lagos na pulverização de pomares de laranja.

O Corpo de Bombeiros foi acionado, mas ao chegar ao local constatou que o piloto já estava morto. Acompanhada de técnicos da Aeronáutica, a Polícia Científica fez uma perícia na aeronave.

Natural de Porto Feliz (a 118 quilômetros de São Paulo), o piloto foi velado em sua cidade neste sábado (7).

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s