Pesquisa mostra que centros esportivos não são inclusivos

Análise sobre acessibilidade para cadeirantes foi feita em 75 locais públicos

Uma pesquisa focada na acessibilidade para cadeirantes analisou 75 centros esportivos públicos da capital, entre Sescs, CEUs, clubes-escolas e ONGs. O resultado foi desanimador. “Nenhum deles tem estrutura 100% adaptada para os deficientes físicos”, afirma Jaques Haber, diretor da consultoria i.Social, que realizou a pesquisa em parceria com o Instituto Asas. Além disso, nem metade dos locais analisados oferece modalidades esportivas para quem usa cadeira de rodas.


+ Mara Gabrilli avaliou a acessibilidade das maiores casas de show

+ Experiências de paulistanos que são pais de crianças com deficiência

+ Dorina Nowill foi um símbolo para os deficientes visuais

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s