Estátua furtada dos Jardins vira celebridade na Paulista

Pessoas fazem fila em frente ao Conjunto Nacional para fotografar a Mônica do artista plástico Lobo

Uma das estátuas da Mônica Parade virou celebridade. A Mônica Pop 50, criada pelo artista plástico paulistano Lobo e furtada da Rua Oscar Freire no último dia 8, agora gera fila de curiosos na Avenida Paulista, onde foi recolocada após ser encontrada. 

O registro é de um amigo do artista, mas Lobo conta que também esteve em frente ao Conjunto Nacional no último domingo (17) para prestigiar sua boneca. “Fui até a Paulista ver a Mônica, e olha o sucesso dela agora”, disse. 

+ Estou torcendo para ela voltar, diz Lobo

+ Sequestro da Mônica intriga frequentadores da Oscar Freire

A estátua, de 1,60 metro, foi furtada na madrugada que antecedeu o início da exposição e encontrada uma semana depois em uma rua deserta de Guarulhos, na Grande São Paulo. Depois de alguns repararos (o coelho Sansão estava quebrado), organização do evento optou por colocar a estátua em um lugar com mais visibilidade, na Avenida Paulista. Outra Mônica também foi “atacada” nos Jardins: a escultura da Rua Bela Cintra, esquina com a Alameda Tietê, teve o Sansão roubado na terça-feira (19). 

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s