Santo Américo completa sessenta anos

Fundado em 1951, colégio que hoje está no Morumbi já foi exclusivamente masculino

Em 1953, dom Emílio Jordán (ao fundo da foto, de preto), o primeiro reitor e um dos nove monges beneditinos húngaros fundadores do Colégio Santo Américo, acompanhava uma aula na antiga sede na Rua Imaculada Conceição, em Santa Cecília. A escola, na época exclusivamente masculina, contava com 359 alunos.

O prédio pertencia à Faculdade de Filosofia da PUC-SP e era alugado. Fundada em 27 de fevereiro de 1951, a instituição de ensino completa sessenta anos neste domingo. Em 1963, o Santo Américo transferiu-se para o Morumbi (Rua Santo Américo, 275), onde está até hoje.

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s