Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

SP dá data para vacinar grávidas e pessoas com deficiência e comorbidades

A expectativa do governo estadual é imunizar mais de 1 milhão de pessoas desses grupos

Por Redação VEJA São Paulo 5 Maio 2021, 13h20

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), disse em entrevista coletiva nesta quarta-feira (5) que o estado começará a vacinar no dia 11 de maio gestantes e mães com comorbidades que deram à luz recentemente, em um total de 100 000 mulheres acima de 18 anos. No mesmo dia, poderão se vacinar também pessoas com deficiência permanente entre 55 e 59 anos, totalizando 30 000 pessoas. No dia 12 de maio, inicia-se a vacinação de pessoas com comorbidades de 55 a 59 anos, com expectativa de alcançar 900 000 pessoas. O governo espera imunizar mais de 1 milhão de pessoas no estado de São Paulo nesses três grupos.

Para as pessoas com deficiência permanente, serão consideradas aquelas cadastradas no BPC (Benefício de Prestação Continuada). É preciso apresentar comprovante de recebimento do benefício. Grávidas podem se vacinar em em qualquer período gestacional. Puérperas serão imunizadas até 45 dias após o parto. As mulheres devem apresentar comprovante da gestação com carteiras de acompanhamento, pré-natal ou laudo médico. Para puérperas, será preciso levar declaração de nascimento da criança. Pessoas com comorbidades têm que comprovar condição por exames, receitas ou prescrições médicas. 

  • Publicidade