Tian (Desde 2013)

Tipos de Restaurantes: Asiáticos
VejaSP
starsstarsstarsstarsstars
Endereço: Rua Manuel Guedes, 499 - Jardim Europa - São Paulo - SP ver no mapa
Telefone: (11) 23899399(11) 43017170
Horário:
segunda-feira
12:00 - 15:00 - 19:00 - 23:00
terça-feira
12:00 - 15:00 - 19:00 - 23:00
quarta-feira
12:00 - 15:00 - 19:00 - 23:00
quinta-feira
12:00 - 15:00 - 19:00 - 00:00
sexta-feira
12:00 - 15:00 - 19:00 - 00:00
sábado
12:00 - 16:00 - 19:00 - 00:00
domingo
12:00 - 17:00
Feriados almoço até 16h.
monetization_on

Faixa de preço

De R$101,00 a R$150,00

payment

Formas de pagamento

Cartões de crédito: Visa, Mastercard, Diners e American Express
Cartões de débito: Visa Electron, Rede Shop e Maestro

check_circle

Informações adicionais

Estacionamento/Valet (R$ 25,00), Acesso para deficientes, Lugares/Capacidade total (250), Levar vinhos (permite) (R$ 40,00)

Resenha por Saulo Yassuda

No ano passado, a casa mudou de endereço para um espaço um pouco maior do Itaim. O salão fundo e confortável é cenário para receitas asiáticas sem hierarquia – não há muita divisão entre entrada e prato principal. A ideia é pedir algumas porções e compartilhar. A costelinha suína ao molho de churrasco asiático é uma delícia (R$ 39,00). O mesmo não pode ser dito do curry de pato, que já teve mais nunces de sabor (R$ 68,00). Fica no meio do caminho entre essas duas opções o linguado empanado em massinha de tempurá lambuzado de molho vermelho agridoce de abacaxi (R$ 39,00).

Preços checados em setembro/outubro de 2017.

    ASIÁTICO À VONTADE

    Repleto de receitas asiáticas no cardápio, o Tian promove neste mês um festival que deve agradar aos indecisos que nunca sabem o que pedir — e, claro, aos glutões também. Por R$ 59,00, o público pode provar à vontade, no almoço ou no jantar, algumas receitas de sucesso do menu, entre elas as costelinhas de porco ao molho barbecue oriental.

    Preços checados em junho de 2017.

    (Por Saulo Yassuda)

    Comer e beber

    • 2017 - Participante

      Restaurantes Asiáticos Comer & Beber .

      No ano passado, a casa mudou de endereço para um espaço um pouco maior do Itaim. O salão fundo e confortável é cenário para receitas asiáticas sem hierarquia – não há muita divisão entre entrada e prato principal. A ideia é pedir algumas porções e compartilhar. A costelinha suína ao molho de churrasco asiático é uma delícia (R$ 39,00). O mesmo não pode ser dito do curry de pato, que já teve mais nunces de sabor (R$ 68,00). Fica no meio do caminho entre essas duas opções o linguado empanado em massinha de tempurá lambuzado de molho vermelho agridoce de abacaxi (R$ 39,00). (Preços checados em setembro/outubro de 2017.)

      Arnaldo Lorençato, Helena Galante e Saulo Yassuda

    • 2016 - Participante

      Restaurantes asiáticos Comer & Beber .

      É o território da chef tailandesa Marina Pipatpan, que apresenta a culinária de diferentes países asiáticos na forma de pequenas porções. Em junho, o restaurante foi transferido para uma casa mais espaçosa do Itaim, com salão também no piso superior. Mostram-se boas opções o polvo grelhado servido com brócolis, picles de rabanete, shoyu e gengibre (R$ 39,00) e as macias costelas suínas ao tempero de churrasco adocicado (R$ 35,00). No estilo da Tailândia, o pato em molho de curry vermelho, manjericão e lichia é para ser comido junto de arroz de jasmim (R$ 52,00). (Preços checados me setembro/outubro de 2016.)

      Arnaldo Lorençato, Helena Galante e Saulo Yassuda

    • 2015 - Participante

      Restaurantes asiáticos Comer & Beber .

      Não é difícil identificar o endereço na Rua Jerônimo da Veiga. Basta notar o tuk-tuk, uma moto adaptada na forma de um pequeno veículo, estacionado logo em frente ao lugar. Montado pelo empresário Cyro Sá e sua mulher, a tailandesa Marina Pipatpan, o restaurante investe em receitas do Sudeste Asiático e do Extremo Oriente. As pedidas aparecem em pequenas porções, a maioria na faixa dos R$ 30,00, próprias para ser compartilhadas no centro da mesa. Recente inclusão no cardápio, o arroz grudadinho misturado a bacon e kimchi (acelga coreana fermentada e picante) chega apetitoso, com um ovo frito de gema molinha e lascas de alga seca. Custa R$ 38,00. Tão bom quanto, o szechuan chicken (R$ 29,00) combina pedaços de peito de frango a batata, pimentão e gergelim. Outra boa opção é o clássico pad thai (R$ 39,00), macarrão de arroz enriquecido por frango, camarão, broto de feijão, molho de tamarindo, limão, cebolinha e amendoim. Encerre com estilo: peça o trio de creme brûlé (R$ 25,00), nos sabores capim-limão, gengibre e chá. (Preços checados em setembro/outubro de 2015).

      Arnaldo Lorençato e Helena Galante

    • 2014 - Participante

      Restaurantes asiáticos Comer & Beber .

      O que era “bom e barato” no passado hoje não é mais tão baratinho assim. Explica-se: o preço da maioria das entradas fica na faixa de até R$ 30,00, é verdade. Mas as porções são tão pequenas (e gostosas) que a maioria das mesas costuma pedir mais de uma opção, encarecendo a conta no fim. Duas sugestões são as asinhas de frango no molho deliciosamente picante (R$ 25,00) e a costelinha de porco ao molho barbecue (R$ 32,00). Uma carne, a exemplo da picanha thai fatiada fininha e rosada no centro, sai por R$ 38,00 e vem acompanhada de bolinhas de arroz branco. Se o seu apetite não for muito frugal, será preciso pedir ainda um prato extra. Nesse caso, vá de arroz de cogumelo shimeji, azeitona preta, castanha-de-caju e maçã verde (R$ 29,00). Para fechar, cheesecake de doce de leite com rodelas de banana carameladas (R$ 22,00). (Preços checados em setembro/outubro de 2014).

      Arnaldo Lorençato e Helena Galante

    • 2013 - Vencedor

      Restaurantes bom e barato Comer & Beber .

      Em uma cidade em que o preço dos pratos nos cardápios chega a embrulhar o estômago, parece até piada que o da foto custe apenas R$ 33,00. E mais: é oferecido num restaurante no Itaim, bairro no qual ficam alguns dos mais caros endereços paulistanos. Trata-se do Tian, especializado em ótimas receitas do Sudeste Asiático e do Extremo Oriente. O pato em estilo tailandês, servido na casa da também tailandesa Marina Pipat pane do marido dela, o paulistano Cyro Sá, leva curry vermelho, manjericão e lichia. Completa a pedida uma tigela de arroz de jasmim. Para você ter uma ideia e tentar entender o valor cobrado, são gastos R$ 8,00 de ingredientes em cada porção individual. A matéria-prima, comum a várias opções do menu, é comprada em quantidade e, por isso, o custo se dilui. Nessa conta, claro, não estão inclusas despesas como aluguel, folha de pagamento e impostos. Responsável pelo fogão, o chef Fernando de Souza faz outras delícias baratas, como a tenra costela de porco ao molho de churrasco coreano agridoce (R$ 29,00). Ainda mais em conta, o nhoque de nabo com broto de feijão e ovo, de origem chinesa, sai por R$ 25,00. Quase todos os pratos são picantes, mas não assustam. (Preços checados em setembro/outubro de 2013).

      Arnaldo Lorençato e Helena Galante

    Comentários
    Deixe um comentário

    Olá, ( log out )

    * A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

    Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

    Logotipo do WordPress.com

    Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

    Foto do Google+

    Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

    Imagem do Twitter

    Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

    Foto do Facebook

    Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

    Conectando a %s