Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Ruella Bistrô

(Desde 1996)

Tipos de Restaurantes: Cozinha variada, Variados

VejaSP:

Endereço: - Vila Olímpia - São Paulo - SP ver no mapa

Horário:

segunda-feira - Fechado

terça-feira - Fechado

quarta-feira - Fechado

quinta-feira - Fechado

sexta-feira - Fechado

sábado - Fechado

domingo - Fechado

Faixa de preço: De R$141,00 a R$210,00

Informações adicionais: Lugares/Capacidade total (80 lugares), Levar vinhos (permite) (R$ 45,00)

Resenha por Arnaldo Lorençato

Lugar hipnótico e cheio de charme, o Ruella é uma digital da sócia e chef Danielle Dahoui, voltou a funcionar em maio. Com cadeiras de diferentes estilos, quadros que ela mesma pinta, iluminação suave, o restaurante nasceu como um dos lugares mais românticos da cidade. Por isso, na maioria das mesas, as conversas são sussuradas e não raro presencia-se um pedido de casamento. A aromática cafta de cordeiro, temperada com alecrim, e hortelã, chega à mesa propositalmente malpassada, vem com uma deliciosa e rara mostarda de tamarindo. Outro prato especial do cardápio é o arroz de pato, variação de uma receita da avó materna de Dahoui, originalmente feita com músculo. Depois de assada, a ave é cozida com vinho tinto e azeitona preta e ganha uma quenelle de ricota antes de ser servida. A tarte tatin, uma torta de maçã invertida quentinha, recebe a companhia de sorvete de baunilha e é polvilhada de canela.

Informações checadas entre julho de 2021.

    Lugar hipnótico e cheio de charme, o Ruella é uma digital da sócia e chef Danielle Dahoui, voltou a funcionar em maio. Com cadeiras de diferentes estilos, quadros que ela mesma pinta, iluminação suave, o restaurante nasceu como um dos lugares mais românticos da cidade. Por isso, na maioria das mesas, as conversas são sussuradas e não raro presencia-se um pedido de casamento. A aromática cafta de cordeiro, temperada com alecrim, e hortelã, chega à mesa propositalmente malpassada, vem com uma deliciosa e rara mostarda de tamarindo. Outro prato especial do cardápio é o arroz de pato, variação de uma receita da avó materna de Dahoui, originalmente feita com músculo. Depois de assada, a ave é cozida com vinho tinto e azeitona preta e ganha uma quenelle de ricota antes de ser servida. A tarte tatin, uma torta de maçã invertida quentinha, recebe a companhia de sorvete de baunilha e é polvilhada de canela.

    Informações checadas entre julho de 2021.