Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Osteria Nonna Rosa

(Desde 2019)

Tipos de Restaurantes: Cantina / Trattoria

VejaSP:

Endereço: Rua Padre João Manuel - Jardim Paulista - São Paulo - SP ver no mapa

Telefone: (11) 23695542

Horário:

segunda-feira - Fechado

terça-feira 19:00 - 00:00

quarta-feira 19:00 - 00:0

quinta-feira 19:00 - 00:0

sexta-feira 12:00 - 15:00 - 19:00 - 01:00

sábado 12:00 - 15:00 - 19:00 - 01:00

domingo 12:00 - 17:00

Faixa de preço: De R$116,00 a R$175,00

Informações adicionais: Acesso para deficientes, Lugares/Capacidade total (70), Levar vinhos (permite) (R$ 60,00)

Resenha por Arnaldo Lorençato

Conhecido como o rei do Itaim Bibi, bairro onde mantém sete casas e tem uma oitava a caminho — o bistrô Madame Suzette —, Rodolfo De Santis, chef do ano em 2016 e restaurateur em 2019 pelo guia COMER & BEBER, colocou sua marca também nos Jardins. É lá que pôs em funcionamento a Osteria Nonna Rosa. Aberto em 8 de novembro do ano passado, em parceria com um novo sócio investidor que não participa das empreitadas no Itaim, o restaurante tem um cardápio que reúne um compilado de receitas das casas italianas do cozinheiro-empresário, executado por Carlos Leiva. No salão, precedido por uma agradável varanda e comandado pelo maître-gerente Marcelo Muniz, a refeição pode começar com a torrada crocante conhecida como crostino (R$ 20,00, quatro unidades) coberta por costela bovina, queijo pecorino e salsinha fresca. Igualmente apetitosa, a polenta gratinada com ovo e pancetta (R$ 30,00) pode levar queijo parmesão ou pecorino. Opção mais parruda, o risoto de linguiça fresca de produção própria vem combinado a cogumelos porcini (R$ 52,00). O tradicional polpettone (R$ 65,00) ganha mais graça ao ser preparado com porco e não da maneira clássica, com carne de boi. É coberto por molho de tomate e ricota. De guarnição, tem taglioline fresco feito na casa ao molho de manteiga e sálvia. Para o arremate, em vez de um doce italiano, peça o creme brûlé de goiabada com hortelã (R$ 28,00), uma bela variação do romeu e julieta nacional.

Informações checadas em janeiro de 2020.

    Conhecido como o rei do Itaim Bibi, bairro onde mantém sete casas e tem uma oitava a caminho — o bistrô Madame Suzette —, Rodolfo De Santis, chef do ano em 2016 e restaurateur em 2019 pelo guia COMER & BEBER, colocou sua marca também nos Jardins. É lá que pôs em funcionamento a Osteria Nonna Rosa. Aberto em 8 de novembro do ano passado, em parceria com um novo sócio investidor que não participa das empreitadas no Itaim, o restaurante tem um cardápio que reúne um compilado de receitas das casas italianas do cozinheiro-empresário, executado por Carlos Leiva. No salão, precedido por uma agradável varanda e comandado pelo maître-gerente Marcelo Muniz, a refeição pode começar com a torrada crocante conhecida como crostino (R$ 20,00, quatro unidades) coberta por costela bovina, queijo pecorino e salsinha fresca. Igualmente apetitosa, a polenta gratinada com ovo e pancetta (R$ 30,00) pode levar queijo parmesão ou pecorino. Opção mais parruda, o risoto de linguiça fresca de produção própria vem combinado a cogumelos porcini (R$ 52,00). O tradicional polpettone (R$ 65,00) ganha mais graça ao ser preparado com porco e não da maneira clássica, com carne de boi. É coberto por molho de tomate e ricota. De guarnição, tem taglioline fresco feito na casa ao molho de manteiga e sálvia. Para o arremate, em vez de um doce italiano, peça o creme brûlé de goiabada com hortelã (R$ 28,00), uma bela variação do romeu e julieta nacional.

    Informações checadas em janeiro de 2020.