Clique e assine por apenas 6,90/mês

Masp

Tipos de Passeios: Museus

VejaSP:

Endereço: Avenida Paulista, 1578 - Bela Vista - São Paulo - SP ver no mapa

Telefone: (11) 31495959

Site: http://www.masp.art.br

Horário:

segunda-feira - Fechado

terça-feira 10:00 - 18:00

quarta-feira 10:00 - 18:00

quinta-feira 10:00 - 20:00

sexta-feira 10:00 - 18:00

sábado 10:00 - 18:00

domingo 10:00 - 18:00

Resenha por Julia Flamingo

O mais importante museu da América Latina reúne 8000 obras em seu acervo, a maior coleção de arte europeia fora do continente e dos Estados Unidos. Quadros emblemáticos de Van Gogh, Renoir, Rembrandt, Monet, Manet, Picasso, Modigliani impressionam qualquer pessoa que passa por lá. A coleção, porém, vai muito além disso: tem núcleos dedicados à arte brasileira, moda, arqueologia, fotografia, entre outros. Desde o segundo semestre de 2014, a instituição tem como presidente o empresário Heitor Martins, que convidou Adriano Pedrosa para ser o diretor artístico da instituição. Atualmente, o Masp tem passado por uma fase de grandes mudanças em sua programação, conselho, café, loja e estrutura.

Sua mais importante mudança é a volta dos cavaletes de vidro a partir de dezembro de 2015. Eles foram criados pela arquiteta ítalo-brasileira Lina Bo Bardi, também autora do projeto do atual prédio da instituição, na Avenida Paulista, inaugurado em 1969. Por si só, a construção de vidro e concreto aparente, é um desenho único; e seu vão-livre, uma referência para todo o mundo. Para expor os quadros que estavam sendo, então, garimpados pelo empresário Assis Chateaubriand e crítico Pietro Maria Bardi, Lina criou cavaletes presos a blocos de concreto, de maneira que, dependurados, os quadros “flutuam”. Em 1996, durante a gestão de Julio Neves, a expografia foi derrubada, e substituída por paredes tradicionais.

    O mais importante museu da América Latina reúne 8000 obras em seu acervo, a maior coleção de arte europeia fora do continente e dos Estados Unidos. Quadros emblemáticos de Van Gogh, Renoir, Rembrandt, Monet, Manet, Picasso, Modigliani impressionam qualquer pessoa que passa por lá. A coleção, porém, vai muito além disso: tem núcleos dedicados à arte brasileira, moda, arqueologia, fotografia, entre outros. Desde o segundo semestre de 2014, a instituição tem como presidente o empresário Heitor Martins, que convidou Adriano Pedrosa para ser o diretor artístico da instituição. Atualmente, o Masp tem passado por uma fase de grandes mudanças em sua programação, conselho, café, loja e estrutura.

    Sua mais importante mudança é a volta dos cavaletes de vidro a partir de dezembro de 2015. Eles foram criados pela arquiteta ítalo-brasileira Lina Bo Bardi, também autora do projeto do atual prédio da instituição, na Avenida Paulista, inaugurado em 1969. Por si só, a construção de vidro e concreto aparente, é um desenho único; e seu vão-livre, uma referência para todo o mundo. Para expor os quadros que estavam sendo, então, garimpados pelo empresário Assis Chateaubriand e crítico Pietro Maria Bardi, Lina criou cavaletes presos a blocos de concreto, de maneira que, dependurados, os quadros “flutuam”. Em 1996, durante a gestão de Julio Neves, a expografia foi derrubada, e substituída por paredes tradicionais.