Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Curado da Covid-19, Cauan recebe alta e canta ‘louvor’ de agradecimento

O cantor sertanejo, que antes zombava da doença, disse que reavaliou a vida após quase morrer

Por Redação VEJA São Paulo 26 ago 2020, 14h50

O cantor Cauan recebeu alta hospitalar nesta quarta-feira (26) após ficar mais de dez dias internado por causa da Covid-19. O sertanejo chegou a ficar na UTI em estado grave e teve 75% dos pulmões comprometidos.

Ele saiu da unidade por volta das 11 horas da manhã e deu uma entrevista coletiva juntamente com médicos responsáveis. Cauan estava em uma cadeira de rodas e com o rosto coberto por máscara e disse que teve uma “recuperação surpreendente”, pediu que as pessoas não façam festas e ainda cantou uma canção evangélica.

“Já estou curado, não transmito mais o vírus, agora já posso circular. Mas tenho que dar exemplo usando máscara, até porque, já existem casos de reinfecção”, afirmou.

Em entrevista ao programa Encontro com Fátima Bernardes na manhã de terça-feira (26), ele disse que chegou a pensar que morrer seria a melhor saída. “Eu não consigo explicar, cheguei pro meu irmão e falei: ‘Fernando, me ajuda, cara. O que eu faço?’. Ali eu tinha certeza que eu não tinha mais saída. É até estranho, me deu uma coisa ruim, mas parecia que eu preferia morrer”, disse.

Continua após a publicidade

Publicidade