Clique e assine por apenas 6,90/mês

WhatsApp é um dos aplicativos menos seguros do mundo, diz estudo

Serviço de mensagem foi considerado o mais arriscado em relação à proteção de dados dos usuários

Por Veja São Paulo - Atualizado em 1 Jun 2017, 16h47 - Publicado em 19 Jun 2015, 19h19

O aplicativo de troca de mensagens WhatsApp foi considerado o mais inseguro da atualidade, de acordo com o estudo “Who Has Your Back” (na tradução “quem te dá cobertura”), feito pela organização americana Electronic Frontier Foundation (EFF).

+ “Booktubers” ganham fãs na internet com vídeos divertidos

A pesquisa considerou os seguintes aspectos de cada serviço: transparência das políticas de retenção de dados; informação para os usuários quando autoridades requerem seus dados; práticas de segurança adequadas; divulgação de pedidos de remoção de conteúdo; e oposição pública à backdoors (recurso utilizado por diversos malwares para garantir acesso remoto ao sistema ou à rede infectada) utilizados por agências governamentais.

+ 14 momentos em que Maísa perdeu a paciência na internet

O WhatsApp só cumpriu os requisitos do último item e mostrou que é frágil em relação à transparência em relação aos dados de seus clientes.

Entre as empresas mais seguras aparecem Adobe, Apple, Dropbox, WordPress e Yahoo.

Veja a lista completa dos avaliados:

estudo whatsapp
estudo whatsapp

 

Publicidade