Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Marca plus size vê faturamento crescer mais de 1.000% na quarentena

Entenda o caso da Rainha Nagô, criada pelo casal pelo casal Diego de Assis, de 35 anos, e Camila Roquette, de 39, da Penha

Por Tatiane de Assis Atualizado em 8 Maio 2021, 16h04 - Publicado em 8 Maio 2021, 15h59

Como muitos brasileiros, o casal Diego de Assis, de 35 anos, e Camila Roquette, de 39, viu sua vida virar de cabeça para baixo com a pandemia de Covid-19. Eles tocam a marca de roupas plus size Rainha Nagô, que teve que fechar as portas de dois pontos físicos na capital, com a adoção da quarentena.

“Já tínhamos o online, mas não focávamos tanto nele. Com as restrições de funcionamento, fomos com tudo para a venda na internet”, explica Diego, que mora com a esposa na Penha, Zona Leste da capital. O resultado veio e o faturamento da marca passou de 3.000 reais para 35.000 reais, durante o período de crise. Um aumento de mais de 1.000%. “Agora, vendemos para todo o Brasil, não só para São Paulo”, complementa o designer de moda.

As peças da Rainha Nagô têm estampas e cores em sintonia com as tendências de moda atual. Parece algo corriqueiro, mas é um diferencial da marca. “Temos uma pegada fashionista, que não é comum no mercado plus size”, conclui Diego, que agora, corre para dar conta de tantas encomendas.

VEJA SÃO PAULO falou com mais seis marcas de roupas e acessórios, criadas na periferia, confira a matéria completa aqui.

Continua após a publicidade
Publicidade