Clique e assine com até 89% de desconto

Ações da Natura têm alta após campanha com Thammy Miranda

Conservadores pediram o boicote da empresa por marketing de Dia dos Pais

Por Redação VEJA São Paulo 30 jul 2020, 09h48

Após causar alvoroço entre conservadores por sua campanha de Dia dos Pais, a Natura viu suas ações subirem 6,73% na quarta-feira (29) enquanto o principal índice do mercado brasileiro subiu 1,44%. A empresa resolveu colocar o ator Thammy Miranda como uma das estrelas de #meupaipresente.

A iniciativa teve reação de conservadores como o pastor Silas Malafaia, que chegou a pedir boicote da companhia. Nesta semana, Thammy, filho da cantora Gretchen que teve exposta sua transição de gênero, foi um dos assuntos mais comentados da internet.

Apesar dos ataques por parte da sociedade, o mercado financeiro viu valor no marketing inclusivo. A Natura diz que celebra “todas as maneiras de ser homem, livre de estereótipos e preconceitos” e que acredita na diversidade como valor expresso em suas crenças “há mais de vinte anos, estando sempre presente em nossas campanhas publicitárias e projetos patrocinados”.

 

 

Continua após a publicidade
Publicidade