Continua após publicidade

Bebida à base de chá, bubble tea faz sucesso na cidade

Muito consumida na Ásia e nos Estados Unidos, a mistura traz bolinhas mastigáveis

Por Catherine Barros Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 20 jan 2022, 09h14 - Publicado em 9 jun 2017, 18h06

De origem taiwanesa, o bubble tea (em inglês, “chá de bolhas”) faz sucesso na Ásia e em países como Estados Unidos e Canadá. A bebida marca presença por aqui há mais de uma década, mas sem alarde. A chegada de uma nova leva de negócios que vendem a combinação, entretanto, dá força à tendência.

Quem não conhece pode, de início, estranhar. Trata-se de um líquido à base de chá, misturado com leite ou xarope de frutas, de gosto quase sempre artificial e bem doce. O grande chamariz são as bolinhas ao fundo. Elas costumam ser de tapioca, chamadas “pobás”. Grudentas e sem sabor, lembram gomas de mascar engolíveis. Outra opção são as coloridas pérolas de alga marinha, recheadas com néctar de frutas.

Gabriel Mascarenhas, sócio e proprietário do TEA HUB (Leo Martins/Veja SP)

Aberto em dezembro, o quiosque da TeaHub traz interessados na novidade ao Shopping Pátio Higienópolis. Em cinco meses, o espaço faturou cerca de 230 000 reais. “Queremos inaugurar outras três unidades até o fim do ano”, afirma o sócio Gabriel Mascarenhas. Um dos sabores campeões de pedidos no local é o mix de leite, pó de chá-verde, essência de coco e pobás (14 reais, 330 ml).

Continua após a publicidade

Reduto oriental, a Liberdade concentra diversos espaços dedicados ao bubble tea. Em janeiro, chegou por lá a Bubble Kill, que funciona também no Shopping Pátio Paulista. Estão previstos mais seis pontos da marca na capital até dezembro — os próximos devem ocupar os shoppings Santa Cruz e Cidade São Paulo. Há opções a partir de 12 reais, e outras, incrementadas, como a combinação de café, leite, chocolate e cobertura de chantili, que sai por 20 reais.

No bairro há seis anos, a Tea Station oferece vinte variedades da bebida no cardápio e vai se mudar em julho para um imóvel vizinho quatro vezes maior, de 180 metros quadrados. No mesmo pedaço, o restaurante Petiscos do Tigrão, aberto no ano passado, traz uma alternativa abrasileirada: açaí com leite (13 reais, 500 ml). Na capital desde 2015 e com três filiais paulistanas, na Liberdade, no Bom Retiro e nos Jardins, a rede SnowFall também vende a mistura colorida.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de 49,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.