Imagem Blog

Tudo Sobre Cinema

Continua após publicidade

O inédito Bons Meninos e mais 3 filmes de 2020 que valem o aluguel

Os longas-metragens são encontrados em plataformas como NOW, Looke e Google Play

Por Miguel Barbieri Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 20 Maio 2020, 16h39 - Publicado em 20 Maio 2020, 15h27

Há muitas novidades nas plataformas pay-per-view (que você aluga um filme), como o NOW, Looke, Google Play, AppleTV+ etc. Achei um bom filme que ficou inédito nos cinemas brasileiros, Bons Meninos, e, para quem ainda não viu, recomendo mais três longas-metragens que passaram pelos cinemas neste ano e já estão disponíveis para locação. Confira abaixo.

+ Assine a Vejinha a partir de 6,90

Bons Meninos > Inédito nos cinemas brasileiros, o filme traz Lucas, Max e Thor, interpretados por Keith L. Williams, Jacob Tremblay e Brady Noon, os protagonistas que têm por volta de 12 anos e moram num condomínio. Estão na fase da transição da infância para adolescência e, por isso, falam sobre masturbação, beijo de língua e sexo — e sem saber o significado de cada coisa na prática. Ao ter o drone de seu pai confiscado por duas jovens, Max vai com os amigos empreender uma aventura para conseguir dinheiro. E isso inclui negociatas, roubos e até compra de drogas. Tendo o desbocado ator Seth Rogen (Vizinhos) como produtor, a comédia faz rir com os atrapalhados pré-teens descobrindo um mundo adulto recheado de objetos eróticos e situações picantes.

O Caso Richard Jewell > Clint Eastwood dirige a história verídica do personagem-título, papel do excelente Paul Walter Hauser. Ele é um segurança que trabalha nos Jogos Olímpicos de Atlanta e, após minimizar uma grande explosão a bomba, é considerado um herói. Um agente do FBI, porém, aponta estranheza e o protagonista vira suspeito do atentado.

1917 > Em 1917, os ingleses estão lutando contra os alemães. Lance e Schofield (George MacKay) devem passar pelas linhas inimigas e chegar a um batalhão. A câmera do diretor de fotografia Roger Deakins, premiado com o Oscar neste ano, passa entre trincheiras e observa a devastidão da guerra, como se fosse um único plano-sequência.

Continua após a publicidade

Os Miseráveis > Na periferia de Paris, que abriga muçulmanos, africanos, traficantes e ciganos vingativos, três policiais vão se envolver numa enrascada após o disparo de uma bala de borracha. Indicado ao Oscar de melhor filme internacional (perdeu para Parasita), o drama francês é um caldeirão de culturas e problemas sociais em registro pulsante.

Quer me seguir nas redes sociais? Anote! 

Facebook: Miguel Barbieri Jr. 
Twitter: @miguelbarbieri
Instagram: miguelbarbieri
YouTube: miguel barbieri jr 

 

 

 

 

 

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.