Imagem Blog

São Paulo nas Alturas

Por Raul Juste Lores
Redator-chefe de Veja São Paulo, é autor do livro "São Paulo nas Alturas", sobre a Pauliceia dos anos 50. Ex-correspondente em Pequim, Nova York, Washington e Buenos Aires, escreve sobre urbanismo e arquitetura
Continua após publicidade

Eficiência energética e jardins extirpados na Avenida Paulista

Prédio restaurado recentemente chama atenção pelos seus quebra-sóis

Por Raul Juste Lores Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
11 abr 2018, 16h58

Recentemente restaurado, o antigo Banco Sul Americano (hoje, Itaú) chama atenção pelos seus quebra-sóis. O chamado brise era uma popular maneira nos anos 40 e 50 de se proteger o interior dos edifícios, antes da popularização dos aparelhos de ar condicionado. Os quebra-sóis, verticais no volume horizontal da Paulista, horizontais na torre para a Frei Caneca, fazem que este prédio projetado por Rino Levi em 1960 (e que ficou pronto em 1964, pouco antes da morte do arquiteto) seja um dos mais eficientes no consumo de energia da Paulista. Infelizmente, com o alargamento da avenida nos anos 70, os jardins projetados por Burle Marx foram destruídos.

(Raul Juste Lores/Veja SP)

Obrigado pela visita. Aproveite para deixar seu comentário e curtir a minha página no Facebook. Também é possível receber as novidades pelo Twitter e seguir minhas postagens no Instagram.

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.