Imagem Blog

Pop! Pop! Pop!

Por Blog
Cultura pop, TV e o que repercute nas redes sociais
Continua após publicidade

Rodrigo, eliminado do BBB 19, chora no Mais Você: “Vamos processar”

A apresentadora Ana Maria Braga revelou que o participante do reality ficou "muito chateado" ao saber sobre a repercussão de sua participação no programa

Por Redação VEJA São Paulo Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 3 abr 2019, 15h06 - Publicado em 3 abr 2019, 11h02

Em participação no Mais Você desta quarta (3), o ex-BBB Rodrigo, eliminado no paredão de terça (2), se emocionou e afirmou que processará quem o ofendeu durante o programa. O carioca foi vítima de racismo tanto nas redes sociais quanto dentro da ‘casa mais vigiada do Brasil’ – comentários feitos por participantes provocaram indignação entre espectadores da atração da Globo.

“Ficamos sabendo que, essa noite, você soube das coisas absurdas que têm sido ditas na internet. As pessoas que fazem isso deviam se envergonhar. Sei que você está muito magoado hoje. Você veio ao programa por força do compromisso. O que você pretende fazer?”, perguntou Ana Maria Braga.

“Minha família entrou em contato com advogado. A gente vai processar. É uma relação de racismo, de racismo religioso. Minha família cultua o candomblé, que não tem intenção de catequizar ninguém. Não é só desconhecimento, ignorância. É maldade. Não é por mim. É por toda uma população que é desrespeitada. Infelizmente a gente tem parte do poder público que é indiferente a essa causa. Eu não posso me calar de forma alguma. Talvez eu tenha entrado no programa por causa disso. Para provocar esse tipo de reflexão”, disse.

“Eu chamo essas pessoas de ignorantes. É uma ignorância total”, completou Ana Maria.

Antes disso, a apresentadora havia perguntado sobre o motivo do choro de Rodrigo.

“É por rever algumas pessoas que eu quero para a minha vida. Eu sei que em algumas semanas a gente vai se encontrar, mas… De ouvir o que eu disse (na eliminação). De não me arrepender. É lógico que eu entrei no jogo para ganhar 1,5 milhão, mas tem acordos internos que eu respeitei e que não me arrependo”, disse.

“Alguém jogou de maneira errada ali dentro?”, perguntou Ana.

Continua após a publicidade

“Hoje, vendo algumas imagens, (acho que) sim. Tem algumas falar que eu vi hoje da Paula… De Hariany, de Carol… Não é um jogo que eu escolheria. Mas tá tudo bem. Esse choro é de emoção”, disse. “Eu trabalho com inclusão e o jogo necessita excluir”, completou. Assista:

Confira a repercussão:

Continua após a publicidade

Deixe seu comentário e aproveite para curtir nossa fanpage no Facebook.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.