Imagem Blog

Pop! Pop! Pop!

Por Blog
Cultura pop, TV e o que repercute nas redes sociais
Continua após publicidade

Retorno de gato após 5 anos desaparecido dá o que falar na web

"Eu ainda estou em choque, mas o meu gato Panther acabou de chegar em casa após passar os últimos cinco anos desaparecido"

Por Redação VEJA São Paulo Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 19 mar 2018, 19h15 - Publicado em 19 mar 2018, 19h07

Nguhi Muturi mora em Dallas, no Texas, com sua família. Há cinco anos, a mulher perdeu seu melhor amigo e gato de estimação, Panther (“pantera”, em inglês). Mas o felino surpreendeu a antiga dona ao reaparecer em sua casa em 2018: “Eu não posso acreditar que isso é real. Eu ainda estou em choque, mas o meu primeiro animal de estimação, o meu gato chamado Panther, acabou de chegar em casa após passar os últimos cinco anos desaparecido“, contou a jovem no Twitter.

A história, publicada na sexta (16), já acumula mais de 200 000 curtidas. “Eu ainda estou chorando. Ele veio até o meu pai no nosso quintal, começou a ronronar e se esfregar nele. Ele foi direto para o lugar favorito dele. Nós tivemos que tirar as garras da frente do Panther, mas mantivemos as de trás. Esse gato também não tem as garras dianteiras. Todo o resto é igual, é realmente ele“.

A viagem de Panther de volta para casa, no entanto, não foi nada tranquila: “Algum tempo após Panther desaparecer, ele foi encontrado por um abrigo para animais numa cidade próxima a nossa, cerca de 24 quilômetros longe de casa. Ele foi adotado e morou com outra mulher em outra cidade. Ela salvou a vida dele e lhe deu o nome de Charlie. Ela ficou com ele por um tempo mas, quando não pode mais cuidar dele, deu o gato para os pais dela. Os pais dessa mulher são… os meus vizinhos. Eles moram com o Charlie há mais de um ano“.

Continua após a publicidade

Ele é um gato de casa e nós raramente o víamos. Nós achávamos que o Panther estava perdido ou morto. Esses são os mesmos vizinhos que compraram um husky siberiano que eles não conseguiam criar. Eu comecei a tomar conta do cachorro, até que eles perguntaram se eu gostaria de adotá-lo. É claro que eu disse sim e foi assim que, no ano passado, eu adotei o meu garotão Trotsky. E tudo isso acontecia enquanto o meu gato perdido estava morando na casa dos meus vizinhos. Eu adotei o cachorro deles e eles adotaram o meu gato“.

Nguhi voltou a explicar que, quando Trotsky, o husky siberiano, “conheceu” Panther, ele não estranhou nada – porque eles já se conheciam: “É por isso que ele não ficou maluco ou latiu. Ela já conhecia o Panther. Eles moraram juntos antes. Nós descobrimos isso depois que nosso vizinho ligou para casa perguntando se nós tínhamos visto o Charlie, já que ele havia sumido o dia inteiro“, contou a jovem no Twitter.

Os nosso vizinhos ficaram tão chocados com a gente e insistiram que nós ficássemos com o gato porque ele era nosso. Nós decidimos devolvê-lo, já que ele estava confortável na casa nova e nós já temos um cachorro e um gato. Foi arrasador, mas eu nem posso ficar triste porque hoje foi realmente surreal“.

Continua após a publicidade

A jovem voltará a encontrar o gatinho de infância: “Eles me deram permissão para visitar o meu menino sempre que eu quiser. Eles me deram esse cachorro que eu adoro e mantiveram meu primeiro melhor amigo seguro. Sabe como você perde uma pessoa ou um animal de estimação e deseja que você tivesse mais um dia com eles apenas para dizer como você os ama e o quanto eles significam para você? Eu acabei de ter esse dia com o Panther. Eu jamais imaginei que, cinco anos depois, eu poderia beijar a cabeça dele novamente“.

As informações são do Bored Panda.

Continua após a publicidade

Dê sua opinião: E você, o que achou da história inusitada? Deixe seu comentário e aproveite para curtir nossa página no Facebook.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.