Imagem Blog

Pop! Pop! Pop!

Por Blog
Cultura pop, TV e o que repercute nas redes sociais
Continua após publicidade

Mulher está em coma em UTI após popular procedimento estético

Ela sofreu uma parada cardíaca durante o procedimento médico realizado em Juarez, no México, no dia 30 de outubro

Por Redação VEJA São Paulo Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
14 nov 2018, 18h01

Laura Avila, uma mulher de 36 anos de idade do Texas, nos Estados Unidos, está lutando por sua vida após uma rinoplastia que deu errado. A mulher sofreu uma parada cardíaca durante o procedimento médico realizado em Juarez, no México, no dia 30 de outubro. Agora, ela está em coma induzido na UTI para evitar maiores sequelas.

A irmã da mulher, Angie Avila, revelou que os médicos aplicaram a anestesia em sua coluna vertebral, mas o medicamento não fluiu pelo cérebro da paciente, indo para o seu cérebro. Agora, Laura está com severos danos cerebrais. A opção de desligar os aparelhos que mantém a paciente viva já foi dada à família pelos médicos, mas os parentes ainda têm esperanças na recuperação da mulher. A cirurgia de Laura custou cerca de 1 800 dólares (6 800 reais).

“Nós precisamos decidir se queremos remover os aparelho como uma família. Nós choramos todos os dias, acho que estamos chocados e não queremos acreditar que é verdade”, desabafou Angie. “Não importa o que aconteça, eu quero que ela saiba que ela tem um lugar especial no meu coração”, disse o noivo de Laura, Enrique Cruz.

Os médicos informaram à família de Laura que não há nada mais a ser feito, mas a família quer transferir a paciente para um hospital no Texas, com mais recursos. Eles, então, fizeram uma “vaquinha” on-line no site GoFundMe onde Angie diz que a irmã sofreu uma “tragédia” durante o procedimento médico. A página foi criada no dia 6 de novembro: “Os médicos estão removendo medicamentos para tirá-la do coma. No entanto, por causa dos danos cerebrais, ainda é muito para saber o tamanho do estrago”, diz a página.

Continua após a publicidade

“Laura ainda está em condições críticas. Ela está tendo convulsões, uma indicação de dano cerebral”, diz o texto. A “vaquinha” virtual também diz que a mulher está na UTI há seis dias no México, e precisa estar estabilizada até que a família possa transportá-la para os Estados Unidos. Se a jovem acordar, ela provavelmente precisará de terapia física e reabilitação. Também há uma investigação ocorrendo na clínica onde o procedimento foi feito para determinar se foi o caso de negligência médica.

As informações são do The Daily Mirror.

Dê sua opinião: E você, o que achou da história de Laura? Deixe seu comentário e aproveite para curtir nossa página no Facebook!

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.