Imagem Blog

Filmes e Séries - Por Barbara Demerov Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO

Aqui você encontra críticas, entrevistas e as principais novidades sobre o mundo do cinema e do streaming
Continua após publicidade

‘Tá Tudo Certo’: minissérie do Disney+ une arte e música

Felipe Simas e Raphael Montes falam à Vejinha sobre história feita para a nova geração de jovens

Por Barbara Demerov
14 abr 2023, 06h00

✪✪✪ Tá Tudo Certo, minissérie brasileira do Disney+, é uma comédia romântica com potencial para fazer as gerações mais novas refletirem sobre seus sonhos. Em um sarau, Pedro (Pedro Calais) conhece Ana (Ana Caetano), cuja carreira musical está decolando.

Ao lado de Ana, o caminho do sucesso parece possível, mas logo Pedro recebe uma difícil missão de Toni (Toni Garrido), seu chefe, que o desafia a repensar suas prioridades.

À Vejinha, Felipe Simas, diretor e produtor executivo, e Raphael Montes, roteirista, falam sobre a série.

Como o projeto se originou?
Felipe Simas: Desde quando fiz Ana e Vitória, em 2018, eu tinha vontade de brincar com música e cinema. Na pandemia, coloquei em prática um projeto pautado na frustração que tenho de não conseguir responder mensagens de artistas aspirantes que buscam um lugar ao Sol. Quero passar a mensagem sobre o conceito relativo de sucesso. Ir atrás dele é muito mais sobre a caminhada do que o lugar de chegada.
Raphael Montes: Felipe me ligou e nós ainda não nos conhecíamos. De início, eu brinquei: ‘tem certeza que ligou para a pessoa certa?’. Mas me tocou a questão do sucesso. Venho de uma família que me disse para desistir quando eu afirmei que queria ser escritor. A história realmente é muito pessoal para mim.

É comum ver alguém que quer ser artista procurar uma carreira que dê mais estabilidade. Acham que a série vai inspirar a nova geração?
Felipe: Ao longo dos episódios, todas as cenas pincelam essa temática. A ideia é o espectador levar isso para a vida. Fazer algo que se gosta e viver a caminhada de uma forma leve, com tudo empacotado no universo mágico da Disney.
Raphael: É uma produção madura porque se espelha nesses jovens da atualidade. A Disney foi parceira, pois quis algo com sua identidade e, ao mesmo tempo, com uma cara mais autoral.

Continua após a publicidade

Publicado em VEJA São Paulo de 19 de abril de 2023, edição nº 2837

+Assine a Vejinha a partir de 9,90.

Compartilhe essa matéria via:
Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Para curtir o melhor de São Paulo!
Receba VEJA e VEJA SP impressas e tenha acesso digital a todos os títulos Abril.
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.