Imagem Blog

Arte ao Redor

Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO
Uma curadoria de exposições, cursos e novidades dos museus, galerias e institutos culturais de São Paulo
Continua após publicidade

Centro de São Paulo é palco de mega projeto de arte urbana

Chamada Aquário Urbana, a iniciativa consiste na criação de 15 murais em empenas além de um app de celular para navegar pelas obras

Por Tatiane de Assis Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO , Matheus Prado
Atualizado em 28 set 2019, 22h59 - Publicado em 28 set 2019, 21h12

A área na região central de São Paulo, delimitada pelas ruas Santa Isabel, avenida Ipiranga e parte do Minhocão, é palco do projeto Aquário Urbano, desenvolvido pelo artista de rua Felipe Yung, Flip, e o produtor cultural Kleber Pagú. A iniciativa congrega diferentes linguagens artísticas, assim, há a previsão de realização de quinze murais nas laterais de prédios, as quais tem entre 25 e 125 metros.

Um aplicativo de celular, já finalizado e disponível na Apple Store e Google Play, também faz parte do pacote. Ele permite a imersão em 360º naquele “habitat”. Com auxílio de óculos 3D, os visitantes do futuro museu à céu aberto poderão explorar as obras de uma forma diferente, ouvindo também sons do ambiente marítimo, grande tema da empreitada e da pesquisa artística de Yung.

 

Um dos murais do projeto Aquário Urbano, feito pelo artista Flip (Divulgação/Divulgação)

De acordo com Pagu, a previsão é de que os quinze murais fiquem prontos em 2020. Um deles, na rua Major Sertório, já está pronto. Está em curso outros três. “Demoramos cerca de dois meses do primeiro, porque é um projeto independente, feito por meio de parcerias com empresas, mas sem qualquer verba do município ou estado”, explica. O valor usado com tintas, afirma, ultrapassa 1 milhão de reais. A verba total que devem usar, contudo, gira em torno de 4 milhões. Até agora, eles já conseguiram a metade.

“É preciso ter um olhar mais carinhoso com o centro da cidade. Sem dúvida, é também possível atrair mais turistas com a arte urbana. Paris, Londres, são incríveis, mas ninguém tem tanta empena quanto a gente. Temos um potencial imenso”, diz em tom animado o produtor.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de 49,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.