Clique e assine por apenas 6,90/mês

Polícia prende acusado de matar esposa com facão 16 anos após o crime

Assassinato ocorreu no interior paulista, em 2003

Por Redação VEJA São Paulo - 12 fev 2020, 19h19

A Polícia Civil prendeu nesta quarta (12) um homem acusado de assassinar a esposa no interior paulista. O crime ocorreu na cidade de Lins, a 438 quilômetros da capital, em 2003 e, e desde então, ele estava foragido.

O procurado teria matado a mulher com golpes de facão na região do pescoço. O casal tinha um filho deficiente, que foi levado pelo homem após o feminicídio. Quatro meses depois do crime a criança foi encontrada, mas não houveram outras informações sobre o paradeiro do marido.

A Polícia Civil afirmou que obteve pistas que indicavam que o suspeito estaria no município de Cocos, localizado no oeste baiano, cidade com cerca de 20 000 habitantes. Uma equipe de investigadores foi enviada para averiguar a denúncia. O homem foi preso e encaminhado para Lins, onde permanece à disposição da Justiça.

Publicidade