Clique e assine por apenas 5,90/mês

Homenageado, Neville D’Almeida fala sobre a carreira

Cineasta, que ganhou mostra no Sesc Santo Amaro, adianta novo filme e relembra parceria com nomes como Nelson Rodrigues

Por Adriano Conter e Bruno Machado - Atualizado em 5 dez 2016, 17h07 - Publicado em 8 jun 2012, 17h43

Neville D’Almeida, 71 anos, é mais conhecido pelo seu trabalho como cineasta, sobretudo por títulos importantes do cinema nacional como “A Dama do Lotação” (1978) e “Os Sete Gatinhos” (1980). O que poucos sabem é que ele também assina obras de arte, como as instalações “Cosmococas” e “Kayapoemas”, expostas no Sesc Santo Amaro, que até o dia 8 de julho promove uma homenagem ao mineiro de Belo Horizonte radicado no Rio de Janeiro.

+ As melhores exposições em cartaz

Além das instalações, uma mostra retrospectiva passa a limpo a obra de Neville e conta com raridades como “Mangue Bangue” (1971), filme há anos perdido e que foi reencontrado recentemente na videoteca do Museu de Arte Moderna de Nova York.

+ Os melhores filmes em cartaz; salas e horários

Outra atração é um ônibus instalado no hall do Sesc Santo Amaro. Customizado com imagens e cartazes dos longas realizados pelo cineasta, o veículo foi adaptado para abrigar sessões de cinema.

Foi nesse ônibus que Neville recebeu a equipe de VEJINHA.COM para uma entrevista, na qual fala sobre a sua obra e sobre as parcerias com artistas como Hélio Oitica e Nelson Rodrigues, além de seu novo filme, “A Dama da Internet”, ainda em fase de produção.

Confira o vídeo abaixo:

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=JkMwUkdmjbk&version=3&hl=pt_BR%5D

 

Continua após a publicidade
Publicidade