Continua após publicidade

Morador do Jardim Paulista vive 21 anos a mais que morador de Iguatemi

Conclusão é do Mapa da Desigualdade 2022, feito pela Rede Nossa São Paulo

Por Redação VEJA São Paulo Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 23 nov 2022, 16h14 - Publicado em 23 nov 2022, 16h14

Os paulistanos que vivem na região do Jardim Paulista, na Zona Oeste de São Paulo, vive em média 80 anos, enquanto moradores do Iguatemi, distrito da Zona Leste, vivem em média 59 anos. A conclusão é do estudo Mapa da Desigualdade 2022, divulgado nesta quarta-feira (23) pela Rede Nossa São Paulo, vinculada ao Instituto Cidades Sustentáveis (ICS). A média de vida dos moradores do Jardim Paulista, um bairro nobre, é semelhante ao de países como Portugal e Dinamarca.

+ Uso de máscaras volta a ser obrigatório em aviões e aeroportos

O estudo é divulgado anualmente desde 2012 e traz dados de indicadores sociais e econômicos da cidade de São Paulo e mostra, por exemplo, que o distrito de Santa Cecília, no Centro, tem 5 006 pessoas em situação de rua, sendo o bairro com maior população nessa condição na cidade. Já em relação à quantidade de favelas, o distrito de Vila Andrade, na Zona Sul, é o que concentra o maior número: 32,7% dos domicílios da região estão em favelas.

Outra desigualdade que a pesquisa mostra é em relação ao tempo de deslocamento por transporte público. Moradores de Marsilac, extremo-sul da capital, levam em média 73 minutos para se deslocarem no horário de pico da manhã, enquanto residentes de Pinheiros, na Zona Oeste, gastam em média 25 minutos.

Continua após a publicidade

O Mapa da Desigualdade mostra ainda que o bairro com maior população negra é o Jardim Ângela, onde 60% dos moradores são pretos ou pardos, enquanto Moema é o distrito com menos residentes negros, com apenas 5,8%.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de 49,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.