Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Fiscalização flagra balada clandestina com mais de 100 em Carapicuíba

Jovens que se aglomeravam sem máscaras bebiam, dançavam e compartilhavam narguilés

Por Redação VEJA São Paulo 19 mar 2021, 11h47

A fiscalização de agentes de saúde, da Guarda Municipal e da Polícia flagrou uma festa clandestina com cerca de 100 pessoas em Carapicuíba, na região metropolitana de São Paulo, na madrugada desta sexta-feira (19).

No local estavam jovens aglomerados e sem máscaras. Havia também narguilés, que eram compartilhados entre os frequentadores. A casa não tinha ventilação nem saída de emergência. Três clientes e funcionários da casa foram encaminhados à delegacia da cidade para prestar depoimento.

Baladas estão proibidas em todo o país por causa do risco de contágio do coronavírus. São Paulo se encontra atualmente na chamada fase emergencial, ainda mais restritiva que a fase vermelha, em que apenas serviços essenciais podem funcionar.

Continua após a publicidade
Publicidade