Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Mais de quarenta cavalos são envenenados no interior

Desse total, 23 morreram. Moradores suspeitam de contaminação por ureia, usada nas lavouras de cana, mas alguns animais estavam longe dos canaviais

Por Estadão Conteúdo 3 jul 2017, 15h36

Mais de quarenta cavalos foram envenenados no fim de semana na cidade de Orlândia, a 366 quilômetros da capital. Deles, 23 morreram e alguns estão em estado grave. O caso foi registrado na tarde deste domingo (2) e está sendo apurado, mas as causas até agora não foram esclarecidas.

Os animais foram encontrados com a boca espumando. Moradores suspeitam de contaminação por ureia – substância usada nas lavouras de cana. No entanto, alguns dos cavalos mortos estavam trancados e longe dos canaviais.

Além da polícia, uma ONG acompanha a situação. A tragédia deve ser discutida na noite desta segunda-feira (3) na sessão da Câmara do município.

“Quem viu a situação dos cavalos chorava, não tem explicação”, disse a vereadora Márcia Belato (DEM), que também atua na defesa dos animais.

  • Continua após a publicidade
    Publicidade