Continua após publicidade

Câmara aprova novo projeto urbanístico para o Centro

PIU Central prevê adensamento habitacional em bairros como Sé, República, Brás e Pari, incluindo a construção de moradias de interesse social

Por Redação VEJA São Paulo Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 2 set 2022, 15h52 - Publicado em 25 ago 2022, 10h01

A Câmara Municipal de São Paulo aprovou, em segundo turno, o Projeto de Intervenção Urbana (PIU) do Setor Central, na noite da última quarta-feira (24), que prevê um novo projeto urbanístico para a região, possibilitando um maior adensamento populacional na região e a criação de habitações populares.

Na prática, com a aprovação, a Prefeitura permitirá que o mercado imobiliário construam mais do que o permitido na região. Em troca, as construtoras pagam uma outorga onerosa. Porém, o projeto isentou certas regiões do pagamento, a Sé, a República e a Luz, dessa outorga – o que incentiva a construção de grandes empreendimentos nos locais mesmo sem a contrapartida.

+ Prefeitura de SP divulga medidas para combater varíola dos macacos

O projeto envolve uma área de aproximadamente 20 milhões de metros quadrados, que são divididos entre setor histórico ( e República) e setor metropolitano (Brás, Belém, Pari, Bom Retiro e Santa Cecília), e fixa mudanças no Centro ao longo dos próximos 20 anos.

Continua após a publicidade

A expectativa dos vereadores é que o PIU arrecade 700 milhões de reais, e desse valor, 40% (cerca de 280 milhões de reais) seria destinado à construção de habitação de interesse social. Além disso, segundo o texto aprovado, 35% do valor arrecadado deve ir para obras de infraestrutura, 20% para a recuperação de equipamentos públicos e 5% para a restauração de patrimônios históricos.

O PL ainda fixa outras regras de construção, como a não obrigação de estacionamento em prédios residenciais no setor histórico, a largura das calçadas e a necessidade de prédios com fachadas ativas. O próximo passo é a sanção do prefeito Ricardo Nunes (MDB).

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de 49,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.