Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

“Quero de novo levar meu filho pra ver um jogo do Santos”, diz Bruno Covas

Prefeito relatou como foram os primeiros momentos após receber diagnóstico de câncer, na semana passada

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 14 fev 2020, 15h52 - Publicado em 4 nov 2019, 10h13

Bruno Covas, prefeito da cidade de São Paulo, relatou que ao receber o diagnóstico de câncer logo pensou em seu filho, Thomás, de 14 anos. “Eu ainda tenho muito tempo pra passar ao lado dele. Quero de novo levar meu filho pra ver um jogo do Santos. É o que ele mais gosta de fazer e se é o que ele mais gosta de fazer, é o que eu mais gosto de fazer também”, disse em entrevista ao Fantástico, no domingo (3). O garoto contou que recebe mensagens de apoio dos colegas na escola. 

Sobre o tratamento, Covas contou ter escolhido a opção mais agressiva, com maiores efeitos colaterais. No entanto, ele afirmou que teve “uma boa reação” à sua primeira sessão de quimioterapia. “Estou muito confiante”, repetiu.

Na mesma reportagem, David Uip, o médico infectologista a frente do tratamento afirmou que Bruno Covas fará novas sessões a cada duas semanas. “No término da terceira ele será avaliado por imagens”, explicou.  

Outro fator que favorece o tratamento do prefeito foi a mudança radical no estilo de vida pela qual o político passou em 2016. Ele emagreceu cerca de 20 quilos e começou a frequentar a academia diariamente. “É como se eu tivesse me preparando pra nesse momento enfrentar esse desafio”, relatou.

 

  • + OUÇA O PODCAST Jornada da Calma: Como começar bem o dia

    Continua após a publicidade
    Publicidade