Prédio no Brooklin abriga “bunker” para proteger cofre

O espaço reúne 448 gavetas, alugadas por valores entre 360 e 1 152 reais ao mês

Quem passa pelo edifício comercial de arquitetura genérica na Rua Samuel Morse, no Brooklin, não imagina que existe um cofre de 30 metros quadrados “escondido” no 5º andar. Inaugurado há um mês, o espaço reúne 448 gavetas, alugadas por valores entre 360 e 1 152 reais ao mês. Ali podem ser guardados documentos, joias e outros objetos. Para acessá-lo, na empresa Sekuro, é preciso atravessar um labirinto de sete portas, liberadas após identificação pela palma da mão. Confira mais.

Acabamento. As paredes de concreto têm 14 centímetros de espessura e são revestidas de painéis blindados

Proibidos. Não é permitido armazenar armas de fogo, drogas, seres vivos nem artigos químicos ou radioativos

Individual. É possível liberar o acesso de mais pessoas à mesma gaveta, mas só uma entra no cofre por vez

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. Muito boa a matéria. Interessante esse segmento.