Continua após publicidade

“Eu jamais começaria um projeto desse tamanho sem antes pesquisar”

Presidente da XYZ Live defende a construção de arena multiuso no Jockey Club

Por Carol Pascoal
Atualizado em 16 Maio 2024, 17h44 - Publicado em 13 Maio 2013, 13h07

“Eu jamais começaria um projeto desse tamanho e com esse investimento (no caso, 18 milhões de reais) sem antes pesquisar todos os requisitos necessários”. A afirmação é de Bazinho Ferraz, presidente da XYZ Live, empresa do setor de entretenimento responsável pela Claro Live! House, arena multiuso em construção no Jockey Club de São Paulo.

 

Por determinação da Justiça, a obra estava paralisada desde segunda-feira (6). Entretanto, na sexta-feira (10) a juíza Liliane Keyko Hioki, da 3ª Vara da Fazenda Pública da cidade, revogou a liminar que impedia a construção da casa de espetáculos. 

Mesmo com alguns dias perdidos, a empresa segue com a mesma previsão de inauguração: julho de 2013.

A casa de espetáculos, capitaneada pela XYZ Live, foi embargada em 25 de março pela Subprefeitura do Butantã. A alegação era de que o aumento de área do local era inapropriado, porque o clube foi tombado em 2010 pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico Arqueológico, Artístico e Turístico do Estado (Condephaat), portanto precisava de licenças especiais. “Não é um aumento de área, porque a casa é uma instalação móvel, ou seja, é temporária.”

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.