Clique e assine por apenas 5,90/mês
Terraço Paulistano Notas exclusivas sobre artistas, políticos, atletas, modelos, empresários e pessoas de outras áreas que são destaque na cidade. Por Humberto Abdo.

Deputado Cauê Macris: autor da Ficha Suja dos Motoristas

“Nunca atendi tanto a imprensa na minha vida”. A frase é do deputado tucano Cauê Macris (PSDB), 30 anos, autor da lei já conhecida como Ficha Suja dos Motorista. Ela foi aprovada por unanimidade na semana passada pela Assembleia Legislativa. Se sancionada pelo governador Geraldo Alckmin, o estado irá publicar no Diário Oficial o nome […]

Por João Batista Jr. - Atualizado em 27 fev 2017, 10h32 - Publicado em 13 jun 2013, 21h36
Cauê Macris: beber e dirigir, não (Foto: Lailson Santos)

Cauê Macris: beber e dirigir, não (Foto: Lailson Santos)

“Nunca atendi tanto a imprensa na minha vida”. A frase é do deputado tucano Cauê Macris (PSDB), 30 anos, autor da lei já conhecida como Ficha Suja dos Motorista. Ela foi aprovada por unanimidade na semana passada pela Assembleia Legislativa. Se sancionada pelo governador Geraldo Alckmin, o estado irá publicar no Diário Oficial o nome de quem não passar pelo teste do bafômetro. Natural de Americana, onde foi vereador por dois mandatos, Macris vive entre a capital e o interior. “Sou meio nômade”, diz ele, que pilota uma Hyundai Tucson – sem estar alcoolizado, como diz na entrevista a seguir:

Por que a ideia de criar a lei?
Temos o direito de saber o histórico das pessoas. Quem bebe além do permitido comete um crime e já tem sua placa divulgada pelo Diário Oficial. Agora, queremos que seu nome também seja exibido, assim como a infração cometida. Isso é bom para nos protegermos. Uma empresa que for contatar um motorista pode levantar o histórico do candidato à vaga. Quem tomar multa por estacionar no lugar errado, por exemplo, não terá seu nome divulgado.

O senhor já dirigiu alcoolizado?
Nunca. Já tomei multa por ultrapassar o farol amarelo e por excesso de velocidade, mas isso é comum. Por bebida, jamais.

Crê na aprovação de sua lei?
O governador Alckmin é a favor de toda lei que zela pela vida. Uma vez sancionada, irei falar com ONGs ligadas à violência no trânsito. O objetivo é que elas criam o Google dos Infratores, com a tabulação diária dos nomes de quem não foi aprovado pelo bafômetro.

Essa é sua primeira lei de repercussão?
Como deputado, sim. Mas em 2009, quando era vereador em Americana, criei a lei que proibiu o cigarro em ambientes fechados. Fiz isso antes da restrição virar lei federal.

Continua após a publicidade
Publicidade