Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês
Quentinhas Por Blog

Catorze destinos gastronômicos com vistas de babar

Seja para a praia, para um rio, um lago ou mesmo para um mar de prédios, toda cidade tem aquele lugarzinho que oferece uma vista de tirar o fôlego. Algumas delas, diga-se, têm vários. Com o olhar apurado, selecionamos catorze lugares pelo Brasil que não são apenas um convite ao paladar, mas também verdadeiros colírios. Confira:   São Paulo Terraço […]

Por Jennifer Detlinger Atualizado em 26 fev 2017, 14h47 - Publicado em 11 set 2015, 23h52

Seja para a praia, para um rio, um lago ou mesmo para um mar de prédios, toda cidade tem aquele lugarzinho que oferece uma vista de tirar o fôlego. Algumas delas, diga-se, têm vários. Com o olhar apurado, selecionamos catorze lugares pelo Brasil que não são apenas um convite ao paladar, mas também verdadeiros colírios. Confira:

 

Continua após a publicidade

São Paulo

Terraço Itália: um dos restaurantes mais turísticos da cidade (foto Fernando Moraes)

Terraço Itália: um dos restaurantes mais turísticos da cidade (foto Fernando Moraes)

Terraço Itália: É um dos restaurantes mais turísticos da cidade. Localizado no topo do Edifício Itália, possui uma vista estonteante. Alguns degraus acima fica o bar, que tem confortáveis poltronas de couro coladas aos janelões de vidro e bons drinques. Leia mais aqui

 

Continua após a publicidade
Skye: fica na cobertura do Hotel Unique e tem vista para o skyline da cidade (foto: Mario Rodrigues)

Skye: fica na cobertura do Hotel Unique e tem vista para o skyline da cidade (foto: Mario Rodrigues)

Skye: Na cobertura do Hotel Unique, a piscina de iluminação avermelhada é rodeada de bancos, sofás e mesinhas cobertas de guarda-sóis. De lá, tem-se uma visão apaixonante da cidade, com algumas árvores, torres de luzes piscantes e muitos arranha-céus iluminados. Leia mais aqui

 

Continua após a publicidade
The View: como o nome revela, a vista é o destaque (foto: Fernando Moraes)

The View: como o nome revela, a vista é o destaque (foto: Fernando Moraes)

The View: Um elevador exclusivo o levará direto ao 30º andar do prédio, onde fica o bar. Como o nome revela, a vista é de matar. Pelas janelas, dá para avistar um sem-número de edifícios. Leia mais aqui

 

Continua após a publicidade

Rio de Janeiro

Bar Urca: concorrida mureta com vista da Baía de Guanabara (foto Fernando Lemos)

Bar Urca: concorrida mureta com vista da Baía de Guanabara (foto Fernando Lemos)

Bar Urca: Normalmente as filas em bares e restaurantes cariocas são formadas em busca de mesas. No caso do Bar Urca, a procura maior é mesmo por um lugar na concorrida mureta com sua vista única da Baía de Guanabara. Leia mais aqui

 

Continua após a publicidade
Bar do Alto: encarapitado no Morro da Babilônia, no Rio (foto: Tomas Rangel)

Bar do Alto: encarapitado no Morro da Babilônia, no Rio (foto: Tomas Rangel)

Bar do Alto: Do terraço encarapitado no Morro da Babilônia se avistam, em toda a sua extensão, as praias do Leme e de Copacabana, com as pequeninas Ilhas Cagarras ao fundo da cena. É o tipo da paisagem linda de manhã, de tarde e de noite, quando as luzes da orla parecem um colar de pérolas. Leia mais aqui

 

Continua após a publicidade

Belo Horizonte

Varanda do Hanna: ambiente propício para dois aliado a uma bela vista (foto Divulgação)

Varanda do Hanna: ambiente propício para dois aliado a uma bela vista (foto Divulgação)

Hannah: Na varanda de luz baixa com mesas decoradas por flores, é possível observar a orla da Lagoa da Pampulha. Antes de abrir esse endereço, o chef Marcelo Santana, conhecido como Marcelo San, esteve à frente do Udon e trabalhou como cozinheiro do cônsul japonês no Rio de Janeiro. Aqui, ele propõe receitas como o sashimi de peixe branco com alho negro, flor de sal, ovas de massago e azeite trufado. Leia mais aqui

 

Continua após a publicidade

Salvador

Amado: salão classudo e bela vista da Baía de Todos-os-Santos (foto: Ligia Skowronski)

Amado: salão classudo e bela vista da Baía de Todos-os-Santos (foto: Ligia Skowronski)

Amado: Adjetivos como cinematográfico e esplendoroso se encaixam muito bem na descrição do ambiente do Amado, sem exagero algum. O salão, que tem pé-direito de mais de 5 metros e decoração classuda, só fica em segundo lugar quando comparado à bela vista que oferece da Baía de Todos-os-Santos. A feliz combinação entre arquitetura e natureza transformou o lugar em um destino romântico, propício a namoricos e pedidos de casamento. Leia mais aqui

 

Continua após a publicidade
Varanda do restaurante Soho:  sobre a Baía de Todos-os-Santos (foto: Romero Cruz)

Varanda do restaurante Soho: sobre a Baía de Todos-os-Santos (foto: Romero Cruz)

Soho: A linda vista para o vaivém de barcos na Baía de Todos os Santos e o piso envidraçado na ampla varanda, por meio do qual é possível ver alguns peixinhos, são símbolos imutáveis desta rede nascida em Salvador e que hoje tem filiais em Brasília e em Fortaleza. Leia mais aqui

+ Os campeões de VEJA Comer & Beber Salvador
+ Vinte coisas para entender o que é ser baiano
+ Vinte doces incríveis com Nutella

 

Continua após a publicidade

Porto Alegre

Press Iberê: quase sempre uma visita ao centro cultural termina ali (foto: Ligia Skowronski)

Press Iberê: quase sempre uma visita ao centro cultural termina ali (foto: Ligia Skowronski)

Press Iberê: Todo modernoso, às margens do Rio Guaíba, o prédio branco da Fundação Iberê Camargo abriga uma agradável unidade do Press Café sobre seu deque externo. Quase sempre uma visita ao centro cultural termina ali, junto de um expresso. Não à toa: o pôr do sol é lindo. Leia mais aqui

 

Continua após a publicidade

Maceió

Lopana: entre o mar cor de esmeralda de Ponta Verde e prédios residenciais de luxo (foto: Leo Caldas)

Lopana: entre o mar cor de esmeralda de Ponta Verde e prédios residenciais de luxo (foto: Leo Caldas)

Lopana: A nobre localização, entre o mar cor de esmeralda de Ponta Verde e prédios residenciais de luxo, colaborou para transformar o Lopana em ícone da orla alagoana. Uma equipe atenciosa recebe a clientela em confortáveis instalações, que incluem salão envidraçado com ar-condicionado, mesas protegidas por guarda-sóis no deque e espreguiçadeiras espalhadas pela areia. Leia mais aqui

+ 9 razões para largar tudo e ir morar na praia
+ Ogrices gastronômicas difíceis de encarar

 

Continua após a publicidade

Recife/Olinda

Alto da Sé:  ponto mais alto de Olinda tem barracas de tapioca e uma vista incrível (foto Ligia Skowronski)

Alto da Sé: ponto mais alto de Olinda tem barracas de tapioca e uma vista incrível (foto Ligia Skowronski)

Alto da Sé: A principal atração do ponto mais alto de Olinda é grátis: a incrível vista para o casario, o Porto do Recife e o trecho de litoral das duas cidades vizinhas. Além da paisagem, o local tem como atrativo as 47 tapioqueiras que, todos os dias, montam a barraca ali a partir das 15h30. Leia mais aqui

+ 15 coisas para entender o Recife e os recifenses

Brasília

Baby Beef Rubaiyat: à beira do Lago Paranoá (foto Joedson Alves)

Baby Beef Rubaiyat: à beira do Lago Paranoá (foto Joedson Alves)

Baby Beef Rubaiyat: Filial brasiliense da famosa grife paulistana de churrasco, funciona à beira do Lago Paranoá com o mesmo padrão e rigor no preparo dos seus exclusivos cortes bovinos. Leia mais aqui

 

Continua após a publicidade

Belém

Manjar das Garças: a bonita arquitetura do restaurante convive de forma harmoniosa com o deslumbrante cenário (foto: Ligia Skowronski)

Manjar das Garças: a bonita arquitetura do restaurante convive de forma harmoniosa com o deslumbrante cenário (foto: Ligia Skowronski)

Manjar das Garças: Bater perna no Parque Mangal das Garças, complexo de 40 000 metros quadrados que abriga borboletário, farol, orquidário e mirante, torna-se um passeio completo com uma refeição no Manjar das Garças. A bonita arquitetura do restaurante, que tem teto de palha e paredes envidraçadas, convive de forma harmoniosa com o deslumbrante cenário proporcionado pela Baía do Guajará. Leia mais aqui

 

Continua após a publicidade
Amazon Beer: brisa do rio e chope de primeira para amenizar o calor (foto:  Heudes Regis)

Amazon Beer: brisa do rio e chope de primeira para amenizar o calor (foto: Heudes Regis)

Amazon Beer: Além de desfrutar de uma bela vista para a Baía do Guajará e uma brisa do vento que sopra e ameniza o calor, o público aproveita para bebericar os chopes elaborados pelo mestre cervejeiro Reynaldo Fogagnolli. São quinze tanques, dedicados a receitas como a Red Ale Priprioca e a Forest. Leia mais aqui

+ 21 cervejas que vale a pena experimentar
+ 17 imagens que vão te dar uma vontade incontrolável de comer pizza

Continua após a publicidade
Publicidade