Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês
Pop! Pop! Pop! Por Blog Cultura pop, TV e o que repercute nas redes sociais

Faustão se exalta durante “Arquivo Confidencial” de Ícaro Silva

"Comunidade e favela é tudo a mesma porcaria", disparou o apresentador do "Domingão do Faustão" em programa que foi ao ar neste domingo (23)

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 25 jul 2017, 12h16 - Publicado em 24 jul 2017, 11h30

Neste domingo (23), Fausto Silva recebeu Ícaro Silva para participar do quadro “Arquivo Confidencial”, no Domingão do Faustão. A atração mostrou como foi a infância do ator, que venceu o Show dos Famosos. O jovem teve uma infância difícil em uma comunidade em Diadema, na Grande São Paulo. Ao falar sobre a experiência dele, o apresentador acabou se exaltando.

A gente pensa em pobreza no Brasil, a gente pensa em miséria, a gente fala de gente pobre, mas a gente não visualiza, a gente não entende o que é isso. A gente não entende o que são famílias que literalmente moram em áreas de risco“, comentou o ator ao relembrar da infância.

Quando Ícaro tinha cinco anos, sua casa desabou. Três anos depois, sua mãe levou um tiro enquanto dormia. “Muitas das favelas não são urbanizadas, não têm saneamento, não têm estrutura alguma“, disse o global. “A gente às vezes vê uma glamorização da favela, a gente às vezes coloca a favela em um lugar bonito, e é lindo…“, continuou.

Foi neste momento que Fausto Silva começou a falar sobre o problema: “Você tem razão, começa a hipocrisia. ‘Vamos chamar de comunidade’. Comunidade e favela é tudo a mesma mercadoria, tem é que mudar a realidade. Aí muda o nome“, começou o apresentador. “Eu estou falando porque fui repórter geral e cansei de entrar em favela, eu sei como é a realidade. Aqui no Brasil no Brasil é ‘vamos chamar de comunidade’. Comunidade e favela é tudo a mesma porcaria, tem que mudar essas pessoas, a grande maioria é de gente honesta” — clique aqui para assistir.

No Twitter, o comentário do apresentador da Rede Globo chamou atenção dos espectadores, especialmente quando ele fiz que conhece a realidade das comunidades brasileiras. Confira a repercussão:

Continua após a publicidade

Dê sua opinião: E você, o que achou da opinião de Fausto Silva? Deixe seu comentário e aproveite para curtir nossa página no Facebook!

Continua após a publicidade

Publicidade