Clique e assine por apenas 6,90/mês
Pop! Pop! Pop! Por Blog Cultura pop, TV e o que repercute nas redes sociais

Bandeira do Brasil proposta por Hans Donner provoca polêmica

"Queria ter a visão política do Hans Donner que descobriu que o problema do Brasil era que faltava degradê e a palavra 'amor'", escreveu um internauta

Por Redação VEJA São Paulo - Atualizado em 10 nov 2017, 13h26 - Publicado em 10 nov 2017, 13h07

O designer Hans Donner propôs uma ideia inesperada durante o Fórum do Amanhã, que ocorre na cidade de Tirandentes, a 200 quilômetros de Belo Horizonte. Nesta quinta (9), afirmou que gostaria de fazer uma mudança na bandeira brasileira — algo que ele pensa há dez anos.

O novo design traria cores em degradê e também um acréscimo: além da expressão “ordem e progresso”, a bandeira brasileira também teria a palavra “amor” — formando um “amor, ordem e progresso”.

Donner defende que a mudança sinalizaria uma nova visão do país. O modelo que usamos hoje foi elaborado pelo professor Raimundo Teixeira Mendes e é usada desde 1889, quando contava com 21 estrelas. A versão usada hoje, com 27 estrelas representando os estados brasileiros, foi criada em 11 de maio de 1992. Confira:

O problema? Parece que muitos brasileiros não apoiaram a mudança proposta por Donner e não demorou até que fizessem inúmeras piadas com a mudança. Confira a repercussão:

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Em agosto de 2017, João Doria revelou que usará projeto de Donner para reformar as pontes de São Paulo. O designer deve elaborar um desenho paisagístico que permita a inserção de anúncios nas marginais Tietê e Pinheiros — clique aqui para saber mais.

Dê sua opinião: E você, o que achou da proposta de Hans Donner? Deixe seu comentário e aproveite para curtir nossa fanpage no Facebook.

Continua após a publicidade
Publicidade