Picanharia dos Amigos tem plano de expansão

Aberto em 2008, o bar-restaurante de carnes foi adquirido em 2016 por um novo grupo de sócios

Mesas na calçada, televisores sintonizados em partidas de futebol e garçons correndo pra lá e pra cá. É assim, sem luxo e em clima de botequim, que a Picanharia dos Amigos conquistou turmas e famílias que lotam os amplos salões.

Aberto em 2008, o bar-restaurante de carnes foi adquirido em 2016 por um novo grupo de sócios, entre eles o empresário Paulo Martinho, do Le Bife.

Em processo de expansão, inaugurou, no ano passado, uma unidade na Vila Leopoldina (Rua Guaipá, 1017, tel. 3645-4586) e, em fevereiro de 2019, outra no Ipiranga (Rua Pedrália, 370, tel. 5062-4242).

Torresmo cortado à mesa

Torresmo cortado à mesa (Romero Cruz/Veja SP)

A queridinha da freguesia é a picanha na chapa (R$ 54,90, 340 gramas) — se a sua intenção não é comer a carne bem passada, tire logo os bifes do suporte quente. O cupim (R$ 35,90, 200 gramas), que também tem seus fãs, surge hipermacio, mas carece de um tico de sal.

Bolinhos de mandioca e queijo

Bolinhos de mandioca e queijo (Romero Cruz/Veja SP)

Para a guarnição, vale escalar a meia-porção de arroz de brócolis (R$ 20,90) no lugar da farofa de banana (R$ 16,90), que veio seca e com a fruta meio verde. Boa ideia para o aperitivo é mordiscar alguns bolinhos de mandioca com queijo da generosa porção (R$ 24,90) ou o torresmo carnudo (R$ 29,90), teatralmente cortado à mesa, com o som do pururuca estalando.

Brasileirinha: caipirosca com limão, abacaxi e hortelã

Brasileirinha: caipirosca com limão, abacaxi e hortelã (Romero Cruz/Veja SP)

Do arsenal etílico, molham a garganta cervejas em garrafa de 600 mililitros, caso da Eisenbahn (R$ 13,90), e caipiroscas como a brasileirinha (R$ 26,00), com limão, abacaxi e hortelã.

Picanharia dos Amigos
Rua Relíquia, 33, Casa Verde, tel. 3858-0020
Terça a sábado das 11h30 à 0h; domingo até 21h; fecha segunda.
Clique aqui para saber todos os detalhes

Avaliação: BOM (três estrelas)

Confira o cardápio:

 

 

 

 

 

Quer mais dicas? Siga minhas novidades no Instagram @sauloy.

E para não perder as notícias mais quentes que rolam sobre São Paulo, assine a newsletter da Vejinha. É só clicar aqui.

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s