Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês
Vinho e Algo Mais Por Por Marcelo Copello Especialista na bebida, Marcelo Copello foi colunista de Veja Rio. Sua longa trajetória como escritor do tema inclui publicações como a extinta Gazeta Mercantil e livros, entre eles "Vinho e Algo Mais" e "Os Sabores do Douro e do Minho", pelo qual concorreu ao prêmio Jabuti

Vinhos brancos ideais para os dias mais frios

O amadurecimento em barricas de carvalho dá mais corpo ao líquido

Por Marcelo Copello Atualizado em 15 jul 2021, 22h47 - Publicado em 16 jul 2021, 06h00

Com a chegada do inverno, os apreciadores de vinhos brancos buscam opções mais densas. Para esse estilo, um importante ingrediente é o uso de barricas de carvalho.

Saber utilizar corretamente a madeira em um vinho é quase tão importante para a qualidade final quanto a procedência da uva que o originara. Muitos brancos fermentam em barricas de carvalho (o que é pouco comum para tintos). Esse processo é uma maneira de aumentar a influência da madeira na bebida e intensificar a tão buscada integração dos aromas e sabores.

Quase todos os grandes chardonnay do mundo, como os melhores Borgonhas, são fermentados em barricas, o que lhes dá aporte de taninos, aromas, estrutura e longevidade. Conheça, abaixo, mais porquês do uso de madeira.

Quais os benefícios que o carvalho traz aos vinhos brancos?
> A cor é intensificada.
> O vinho ganha estrutura, dada pela micro-oxigenação e pelos taninos da madeira.
> A evaporação ao longo do tempo concentra o vinho de maneira lenta e gradual. Fala-se de perda de 3% do volume ao ano — é a chamada “parte dos anjos”.
> Os vinhos amadurecidos em carvalho, sobretudo carvalho novo, ganham aromas que lembram baunilha, coco, defumados, tostados, cravo e caramelo.
> É comum também que os vinhos brancos fermentados em barricas sofram um processo chamado de fermentação malolática, que ameniza sua acidez, aumenta sua complexidade e agrega aromas que lembram manteiga e fermentos.

Cuvée Giuseppe Chardonnay
Um dos melhores brancos do Brasil, 100% chardonnay, fermentado e amadurecido em barricas novas de carvalho francês. Produzido pela Miolo, tem notas de frutas amarelas, pêssego, baunilha, mel e especiarias. Paladar de bom corpo, ótima acidez, textura macia, longo. R$ 123,00. Compre aqui: americanas.com.br.

Frei Brothers Reserve Chardonnay
Vem de uma região californiana clássica para chardonnay, a Russian River Valley. Fermenta e amadurece em carvalho francês
por seis meses. Amarelo-dourado-claro e brilhante. Aroma que foca as frutas maduras, com notas de abacaxi, lima, baunilha e amanteigados. Paladar macio, redondo, com acidez equilibrada, bom meio de boca, com 13,9% de álcool. R$ 329,29. Compre aqui: wine.com.br.

Assine a Vejinha a partir de 8,90 mensais

Valeu pela visita! Volte sempre e deixe seu comentário. Aproveite para curtir minha página no Facebook e minhas postagens no Instagram.

  • Continua após a publicidade
    Publicidade