Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês
Últimas de São Paulo Por Blog Notícias quentes e bastidores da cidade

Após assembleias, Metrô e CPTM decidem cancelar greve

Novas reuniões foram marcadas por ambos os representantes para discutir a possibilidade de uma nova paralisação

Por Redação VEJA São Paulo 31 jul 2017, 21h16

A paralisação dos sistemas de trilhos prevista para amanhã (1º) não vai mais acontecer. As entidades que representam funcionários do Metrô e a CPTM decidiram cancelar a greve após a realização de assembleias na noite desta segunda (31).

Os ferroviários protestam contra uma anúncio de corte de 3,51% dos salários. Representantes sindicais e patronais vão se reunir nesta quarta (2) na sede Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região (TRT2) para chegar a um acordo. Uma nova assembleia foi marcada a quinta (3), para discutir uma possível paralisação na sexta (4).

Já os funcionários do Metrô vão tratar do assunto na próxima semana em uma nova assembleia e, de acordo com a assessoria de imprensa do sindicato, pretendem conquistar adesão de outras categorias. Eles são contra a terceirização de serviços dentro da empresa e a concessão da operação da linha 5-lilás à iniciativa privada. 

Continua após a publicidade

Publicidade