Mural na Pompeia

VejaSP
starsstarsstarsstarsstars

O traço delicado do grafiteiro Alex Senna dá forma a personagens cheios de emoções, como é o caso do rapaz cabisbaixo e apaixonado que estampa o muro na Avenida pompeia, próximo ao número 249 (abaixo). Em meio a outros trabalhos de arte de rua que primam por denúncias sociais, a produção do paulista parece um desvio poético. Na maioria das vezes, ele faz uso apenas do preto e branco. A decisão estética tem relação com sua biografia: Senna é daltônico. As cores que surgem nas fotos de seus grafites nascem, então, do movimento de carros.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s