Conexão Cambraia

Resenha por Saulo Yassuda

A caninha vem ganhando cada vez mais a simpatia dos boêmios. De olho neles, alguns rótulos têm “incentivado” balcões bacanas da cidade a incluir a aguardente em suas criações (até o classudo Baretto oferece drinques com a bebida, da Leblon). A partir de sábado (13/9), profissionais de catorze endereços participam do festival Conexão Cambraia. O destilado da marca, envelhecido por um ano em barris de carvalho, serve de matéria-prima para coquetéis como o ginger braia (R$ 19,50), do Paribar, que leva xarope de gengibre, suco de limão-cravo, Cointreau e um toque de curaçau blue. No romântico Platz, o cambraia rose (R$ 26,00) junta à bebida licores de rosa e de lichia mais uma unidade da própria fruta. Martinho, barman do Ranieri Pipes, lança mão de café, licor Amaretto e mel em seu honey coffee (R$ 25,00). O evento vai até 11 de outubro.

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de 49,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.