Teatro

Três montagens de 'Navalha na Carne' em cartaz

Escrito em 1967 pelo santista Plínio Marcos, o polêmico drama ganha diferentes leituras nos palcos da cidade

Por: Dirceu Alves Jr.

Peça 'Navalha na Carne', sob direção de Marcos Loureiro
Cena de 'Navalha na Carne', sob direção de Marcos Loureiro (Foto: Bob Sousa)

Navalha na Carne O cafetão Vado (interpretado por Fransérgio Araújo) percebe que o dinheiro da prostituta Neusa Sueli (papel de Anette Naiman) não foi repassado a ele. A suspeita de roubo recai sobre Veludo ( Wilson Loria), faxineiro da pensão. Direção de Marcos Loureiro (50 min). 14 anos.

Navalha Nova
Cena de 'Navalha Nova', sob direção de Tony Giusti (Foto: Cosmo Anastasi)

Navalha Nova Inspirado no original, o autor e diretor Tony Giusti transforma Neusa Sueli (papel de Adriana Alencar) em uma universitária que faz programas. Ela sustenta o namorado (o ator Caio Salay) e troca confdências com o amigo gay, vivido por Alexandre Meirelles (60 min). 14 anos. Estreou em 23/4/2014.

Por Acaso, Navalha
Peça é uma releitura do drama Navalha na Carne, de Plínio Marcos (Foto: Ronaldo Dimer)

Por Acaso, Navalha A Cia. Caxote inaugura espaço próprio, na Pompeia, com a montagem dirigida por Fernando Aveiro. Os atores Bárbara Salomé, Murilo Inforsato e Humberto Caligari levam ao palco os três personagens marginalizados (55 min). 16 anos. Estreou em 3/5/2014.

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO