Linha do tempo

Do Fordeco ao bilhão: a trajetória do ex-governador

Nascido em Pedregulho, fez carreira política em Campinas até se lançar ao governo do estado e à presidência

Por: João Batista Jr. - Atualizado em

1986_governador quércia
(Foto: JORGE ROSENBERG)

1938 - Nasce em Pedregulho, filho de Izaura e Octávio. Filho do meio, teve dois irmãos: Vicente e Maria Alice. Muda-se para Campinas aos 17 anos.

quercia-menino
(Foto: ÁLBUM DE FAMÍLIA)

1964 - Então estudante de direito da PUC de Campinas, é empossado vereador na cidade, com 497 votos. Seus bens: um terreno e um automóvel Ford ano 1937.

1966 - Abandona o mandato para disputar o cargo de deputado estadual. Vence com 10 915 votos. Seu carro é um DKW 1966.

1969 - É eleito prefeito de Campinas. Nas visitas aos eleitores, costuma pedir para tirar um cochilo na casa deles, cultivando a fama de homem simples. Namora Juari Grimaldi, que havia vencido o Miss Interior de São Paulo em 1967.

1974_senador quércia
(Foto: CHICO ARAGÃO)

1974 - Torna-se senador pelo MDB ao obter 4,6 milhões de votos, contra 1,6 milhão de Carvalho Pinto. Já tinha avião entre suas posses.

1982 - Com nariz remodelado por uma plástica, é eleito vice-governador pela chapa de Franco Montoro. Durante a gestão, casa-se com a médica Alaíde na Igreja Nossa Senhora Auxiliadora, em Campinas.

1986_governador quércia
(Foto: JORGE ROSENBERG)

1986 - Derrota Paulo Maluf e Antônio Ermírio de Moraes na corrida pelo governo paulista com 5,5 milhões de votos. No ano seguinte, acumula patrimônio estimado em 25,1 milhões de dólares. Perderia todas as eleições que disputou na sequência: para presidente (1994), governador (1998 e 2006) e senador (2002).

2010_quércia
(Foto: GUSTAVO LORENÇÃO)

2010 -  Retira a candidatura ao Senado para se tratar do câncer de próstata que provoca sua morte, no dia 24 de dezembro.

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO