Crianças

Teste das piscinas de bolinhas

Avaliamos a conservação e a limpeza do brinquedo nos parques Play Space, Mundo da Xuxa, Neo Geo Family, Magic Games, Playland e Amazing Balls

Por: Mariana Oliveira - Atualizado em

Piscinas de Bolinhas - PlaySpace - Shopping Anália
Play Space, no Shopping Anália Franco, Zona Leste: topo do ranking das piscinas de bolinhas (Foto: Mariana Oliveira)

Em tempos de smartphone e tablet, as piscinas de bolinhas continuam a ser um dos brinquedos mais frequentados nos parques infantis - especialmente pelas crianças menores. Por essa razão, visitamos no último dia 21 seis delas em diferentes regiões da cidade para avaliar itens como limpeza, conservação e monitoria.

 

No topo da lista aparece o Play Space do Shopping Anália Franco, na Zona Leste. O espaço recreativo é pequeno, porém bem distribuído e não havia bolinhas murchas ou amassadas. Além disso, as espumas de proteção são novas. As monitoras fantasiadas de princesas também agradam e acompanham os pequenos durante todo o tempo em que permanecem no local.

Já a Playland do Shopping Eldorado e o parque Amazing Balls terminaram empadados na lanterninha. O primeiro, na Zona Oeste, tem a piscina de bolinhas acoplada a um circuito chamado Kid Play, com canos e um escorregador. No dia de nossa visita, o almofadado estava descascado e o piso de borracha, bastante encardido. Segundo a administração, foram providenciadas as trocas dos dois itens.

A piscina do Amazing Balls, na Zona Norte, é autodenominada como a maior da América Latina. São mais de 300 000 bolinhas. De acordo com o parque, elas são limpas e vaporizadas a cada vinte dias e, de três em três meses, 60 000 unidades são repostas. A reportagem verificou, entretanto, diversas unidades amassadas e sujas. Também se encontravam mal conservadas as proteções de espuma nas barras de sustentação, com pequenos buracos e até com partes expostas.

Confira abaixo a avaliação completa:

  • Voltar ao início

    Compartilhe essa matéria:

  • Todas as imagens da galeria:

Play Space - Shopping Anália Franco

Para entrar no espaço, todos devem tirar os sapatos e deixá-los em suporte ao lado da recepção. A limpeza da piscina estava impecável no dia em a visitamos. Segundo a assessoria, ela é feita diariamente após o expediente. A conservação igualmente se destacou. Parece que acabou de ser inaugurada, com as espumas de proteção bem presas à base.

No item monitoria, todos da equipe são chamados de membros de elenco. Como parte do espetáculo, quinze recreadoras, que se revezam durante todo o horário do expediente, estão quase sempre fantasiadas de princesas, bruxas e outros personagens infantis. Quantidade de bolinhas: 8 000. Preço: 26 reais para cada meia hora de permanência. Restrição: crianças de 0 a 12 anos (até 2 anos é obrigatória a presença de um responsável).

+ Vote na melhor coxinha de São Paulo

  • Voltar ao início

    Compartilhe essa matéria:

  • Todas as imagens da galeria:

Mundo da Xuxa - Shopping SP Market

Estreita e comprida, a piscina tinha boas condições gerais. Não havia bolinhas amassadas, nem espumas de proteção fora do lugar. A limpeza também estava em dia. Na entrada, havia um funcionário olhando os pequenos.Todas as atrações do parque têm uma inspeção de liberação diária, antes do horário de abertura, afirmou a administração. Quantidade de bolinhas: 10 000. Preço: 93 reais o passaporte individual para todos os brinquedos do parque. Restrição: crianças até 1,10 metros.

  • Voltar ao início

    Compartilhe essa matéria:

  • Todas as imagens da galeria:

Neo Geo Family - Mooca Plaza Shopping

Nos fundos do parque, depois de uma sequência de jogos eletrônicos, há um circuito com escorregador e uma piscina com bolinhas brancas e roxas. Com exceção do tapete de EVA, que estava encardido, os demais itens estavam limpos. Segundo a organização, o material é trocado a cada sessenta dias e a próxima mudança está prevista para abril. Limpeza e vistoria acontecem diariamente. Não havia bolinhas amassadas dentro da piscina. As monitoras não ficam de prontidão no brinquedo, mas basta chamá-las para que o acompanhamento da criança seja feito. Quantidade de bolinhas: 11 000 Preço: 4,90 reais por 5 minutos; 9,80 reais por 15 minutos. Restrição: crianças até 1,30 metros.

+ Ovo de Páscoa vem com miniatura de sandália Melissa

  • Voltar ao início

    Compartilhe essa matéria:

  • Todas as imagens da galeria:

Magic Games - Shopping D

De qualquer andar do shopping é possível ver uma piscina no formato de cabeça de ursinho com bolinhas azuis e brancas. A limpeza e a conservação estavam em boas condições e não havia bolinhas amassadas. De acordo com o gerente Carlos Nogueira Vieira, o brinquedo recebe uma limpeza básica todos os dias. O colchonete que envolve a piscina é lavado semanalmente e as bolinhas são limpas a cada quinze dias. Já os monitores ficam espalhados pelo espaço e acompanham os visitantes como um todo. O local perde pontos em razão da estrutura simples e da pequena profundidade: bate na altura do tornozelo de um adulto. Quantidade de bolinhas: 3 000. Preço: 10 reais por trinta minutos. Restrição: crianças de 0 a 10 anos.

  • Voltar ao início

    Compartilhe essa matéria:

  • Todas as imagens da galeria:

Playland Shopping Eldorado

Também parte de um grande circuito com passagens e escorregador, a piscina de bolinhas recebe limpeza e manutenção periodicamente, segundo a administração. Quando visitamos, porém, o tapete de EVA da entrada do brinquedo estava encardido e algumas quinas da parede almofadada, descascadas. “Diariamente são realizadas as limpezas e higienização dos equipamentos e, com bases nas observações anotadas, já providenciamos as substituições necessárias”, ponderou o parque em nota. Não havia monitores próximos ao brinquedo, mas funcionários ficam à disposição caso seja necessário. Quantidade de bolinhas: 8 000. Preço: 3,80 reais por oito minutos. Restrição: crianças até 1,30 metros.

  • Voltar ao início

    Compartilhe essa matéria:

  • Todas as imagens da galeria:

Amazing Balls

Com escorregadores, cama elástica e parede de escalada, a piscina soma mais de 300 000 bolinhas - muito maior que as demais. A limpeza, entretanto, não estava em dia quando a visitamos. Havia ainda bolinhas amassadas e espumas de proteção mal colocadas e até ausentes. Quinze monitores acompanham a garotada durante o horário de funcionamento.

De acordo com a assessoria do parque, o espaço recebe em média cinquenta crianças por dia, o que pede uma programação de manutenção mais espaçada do que em ambientes menores. Ainda segundo a assessoria, as bolinhas murchas são retiradas semanalmente e as restantes, vaporizadas e dedetizadas a cada vinte dias. Quanto às espumas de segurança, “as crianças se penduram constantemente, portanto descem, abaixam ou ‘encolhem’. Todavia não as colocam em risco", explicou em nota. Quantidade de bolinhas: 300 000. Preço: 25 reais o passaporte para o dia inteiro. Restrição: crianças de 2 a 12 anos.

Fonte: VEJA SÃO PAULO