Cinema

Terça (05)

É Tudo Verdade: confira a programação do dia e as sinopses dos filmes

Por: Camila Taira - Atualizado em

Granito - é Tudo verdade
A guerra civil na Guatemala dos anos 1980: tema do documentário 'Granito' (Foto: Divulgação)

+ Veja programação completa do festival É Tudo Verdade

CINE LIVRARIA CULTURA - SALA 1

15h00 – “Carne, Osso”, de Caio Cavechini e Carlos Juliano (BRA, 2010).

Um mergulho no assustador mundo nos frigoríficos brasileiros, denunciando condições precárias, riscos e danos à saúde de seus trabalhadores. COMPETIÇÃO BRASILEIRA - LONGAS

17h00 – Exibição de curtas (COMPETIÇÃO BRASILEIRA) “Coutinho Repórter”, de Rená Tardin (BRA, 2010).

Uma conversa com o cineasta Eduardo Coutinho sobre sua experiência na equipe do programa “Globo Repórter”, realizando documentários de cunho social em plena ditadura.

“Palavra Plástica”, de Leo Falcão (BRA, 2010).

Vinte artistas se reúnem para uma homenagem a Carlos Pena Filho, poeta morto prematuramente, há 50 anos.

“Entre Vãos”, de Luísa Caetano (BRA, 2010).

Comunidade remanescente quilombola, Vão das Almas (GO) procura conciliar uma história baseada na tradição ao mesmo tempo que elabora estratégias para o futuro.

“São Silvestre”, de Lina Chamie (BRA, 2010).

A corrida de rua mais famosa da América Latina, que acontece no dia 31 de dezembro, em São Paulo, é radiografada do ponto de vista dos atletas. O que os move nesta travessia?

“O Filme que eu Fiz para Não Esquecer”, de Renato Gaiarsa (BRA, 2010).

Flagrantes instantâneos da memória de um romance.

19h00 – “Reagan”, de Eugene Jarecki (USA/GBR, 2011).

A figura do ex-ator e presidente norte-americano Ronald Reagan (1911-2004) é examinada em profundidade. Focaliza-se as contradições do personagem, antes um democrata cuja família foi salva da Grande Depressão pelo New Deal de F.D. Roosevelt e que se tornou um republicano, crítico feroz do liberalismo. PROGRAMAS ESPECIAIS

21h00 – “Tancredo, a Travessia”, de Silvio Tendler (BRA, 2010).

A trajetória do político mineiro Tancredo Neves (1910-1985), desde sua ligação com Getúlio Vargas até o trágico episódio da doença que o impediu de assumir a Presidência do Brasil. COMPETIÇÃO BRASILEIRA DE LONGAS E MÉDIAS

 

CINEMATECA – SALA BNDES

16h00 – “As Batidas do Samba”, de Bebeto Abrantes (BRA, 2010)

A evolução da batida do samba carioca desde o início do século XX é o tema deste filme, guiado por mestres como Marçalzinho, Monarco e Wilson das Neves. O ESTADO DAS COISAS

18h00 – Exibição da RETROSPECTIVA BRASILEIRA: POESIA É VERDADE

“O Canto e a Fúria”, de Zelito Viana (BRA, 1994).

O autor do celebrado “Poema Sujo” (1975) comenta sua vida, seu engajamento político e lê alguns de seus trabalhos favoritos.

“Lavra-Dor”, de Paulo Rufino e Ana Carolina (BRA, 1968).

Trechos do poema “Lavrador”, de Mário Chamie, intercalam uma narrativa poética sobre o sindicalismo rural no estado de São Paulo após o golpe militar de 1964.

20h00 – “A Sorte de Nascer na Rússia”, de Marina Goldovskaya (FRA/RUS, 1994).

Um insight humano nos acontecimentos na Federação Russa em 1993, quando conflitos étnicos e separatistas lançaram incerteza sobre seu futuro. RETROSPECTIVA INTERNACIONAL: MARINA GOLDOVSKAYA

RESERVA CULTURAL- SALA 2

13h00 – “Agnus Dei, Cordeiro de Deus”, de Alejandra Sánchez (MEX/FRA, 2011).

Aos 26 anos, Jesus Romero Colin resolve confrontar um trauma do passado – o abuso sexual sofrido por parte de um padre, quando Colin era um coroinha de 11 anos de idade. FOCO LATINO-AMERICANO

15h00 – Exibição de curtas (COMPETIÇÃO INTERNACIONAL)

“Menos Dois”, de Mohammad Ehsani (IRN, 2010).

O uso do ecstasy entre os jovens iranianos experimenta grande crescimento, tornando-se cada vez mais comum em festas, que também acontecem clandestinamente num país fechado e autocrático.

“Primeiras Trevas”, de Denise Wyllie e Clare O. Hagan (GRR, 2010).

O filme acompanha a jornada de readaptação de uma artista, usando a expressão na pintura para recuperar-se de uma grande depressão.

“O Desejo da Aldeia Chang Hu”, de Huaqing Jin (CNH, 2010).

Crônica da vida de uma família, habitante da aldeia de Changhu, no oásis de Minqin. O oásis, que constitui uma barreira natural à desertificação no noroeste da China, no entanto, corre o risco de desaparecer.

“Inventário”, de Pawel Lozinski (POL, 2010).

Pesquisadores esquadrinham as inscrições das lápides de um grande cemitério judeu de Varsóvia, buscando a recuperação da memória e da identidade e a reconstrução de um passado recente.

“Viagem a Cabo Verde”, de José Miguel Ribeiro (PRT, 2010).

Crônica de uma viagem muito livre pelos caminhos de Cabo Verde, abandonando o celular, o relógio e os planos e reduzindo a bagagem ao mínimo essencial.

17h00 – “Posição Entre as Estrelas”, de Leonard Retel Helmrich (NLD, 2010).

Seguindo uma família indonésia, moradora de uma favela de Jacarta – já retratada em dois premiados filmes anteriores, “The Eye of the Day” e “Shape of the Moon” – o diretor aprofunda o retrato de um ambiente marcado pela corrupção e por um grande abismo entre ricos e pobres. Vencedor da competição internacional e holandesa do Festival de Amsterdã –IDFA 2010. O ESTADO DAS COISAS

19h00 – “Sáris Cor-de-Rosa”, de Kim Longinotto (GBR/IND, 2010

Um perfil de Sampat Pal, mulher que sofreu agruras e maus-tratos decorrentes de um casamento arranjado na infância, como tantas indianas, e tornou-se uma referência na luta pelos direitos femininos em seu país. O ESTADO DAS COISAS

21h00 – “Granito”, de Pamela Yates (USA, 2011).

Um balanço da guerra civil na Guatemala dos anos 1980, a partir do foco de uma investigação realizada por um tribunal de crimes de guerra na Espanha. COMPETIÇÃO INTERNACIONAL - LONGAS

 

CINEMARK SHOPPING ELDORADO – SALA 7

19h30 – “Memória Cubana”, de Alice de Andrade e Iván Nápoles (FRA/BRA/BEL, 2010).

Recordações dos cinejornais do Instituto Cubano de Arte e Indústria Cinematográfica. 

Fonte: VEJA SÃO PAULO