Restaurant Week

Chef Sergio Arno participa do Restaurant Week para "conquistar novos paladares"

O chef participa do evento com suas casas La Vecchia Cucina, Armazém Sergio e algumas franquias do La Pasta Gialla

Por: Daniel Ottaiano - Atualizado em

Sérgio Arno
Chef e empresário Sergio Arno participa do Restaurant Week e quer atrair novos clientes (Foto: Gladstone Campos/Realphotos)

Em meio aos 201 restaurantes, muitos são novidades para os paulistanos. Nesta sexta edição do São Paulo Restaurant Week, cabe a poucos endereços a função de abrir as portas para clientes que nunca tiveram a oportunidade de visitar os clássicos da cidade. Entre casas como o francês Marcel e o japonês Shintori, está o italiano La Vecchia Cucina, de propriedade de Sergio Arno. O chef também entra no evento com as casas Armazém Sergio e algumas franquias do La Pasta Gialla.

+ Restaurant Week: 201 restaurantes a preços mais acessíveis

+ Restaurant Week: editor de gastronomia sugere vinte bons restaurantes

+ Abril.com: Mais sobre o Restaurant Week

Para o chef e empresário, o Restaurant Week – que vai até domingo (14) – é uma oportunidade “para conquistar novos paladares”.

“Estivemos presentes no evento o ano passado com o La Pasta Gialla e achamos interessante a capacidade do evento em atrair para as casas um novo público que aprecia comer bem e nem sempre teve acesso a uma culinária italiana de qualidade”, afirma ele.

Arno inovou para trazer o La Vecchia Cucina ao evento. Em vez da proposta de entrada, prato principal e sobremesa, vai servir dois pratos “principais” (primo e secondo piato), como é costume na Itália.

Seu cardápio também foge da cozinha tradicional italiana, com o prato peruano (que está em alta na cidade) ceviche como entrada e purê de banana da terra de acompanhamento no secondo piato.

“No La Vecchia, todos os pratos são novos, são criações minhas, que só poderão ser saboreadas durante o Restaurant Week. Até mesmo a carne ou peixe e a massa foram criadas combinando novos ingredientes, molhos e acompanhamentos, privilegiando sempre a máxima qualidade das nossas massas artesanais e o preparo cuidadoso das carnes. Inclusive para cada prato, o sommelier já estudou a harmonização ideal com o vinho”, diz Sergio Arno.

Antes mesmo de o evento começar, o chef já afirmava que voltaria nas próximas edições, e dizia confiante: “tenho certeza da boa repercussão”. Já durante a primeira semana, sua assessoria de imprensa anunciava a decisão de passar a abrir o La Vecchia Cucina também às segundas-feiras. Mesmo após o dia 14, o endereço passará a funcionar de segunda a sexta-feira para almoço (prato executivo) e jantar. Aos sábados abre somente para o jantar e aos domingos, para o almoço.

A organização do Restaurant Week espera que os estabelecimentos participantes recebam 500 mil visitas nessas duas semanas. Essa movimentação intensa dos paulistanos em direção aos restaurantes tem explicação: a chance de conhecer um endereço que está além do poder aquisitivo da maioria na cidade.

Porém, para Arno, alguns restaurantes apenas têm a imagem de caro. “Sabendo escolher e pesquisando o cardápio antes, (o cliente) pode ir a um restaurante considerado ‘caro’ sem gastar além de sua pretensão”.

Fonte: VEJA SÃO PAULO