Consumo

Renner da Avenida Paulista é lacrada pela Subprefeitura da Sé

Unidade foi fechada por volta das 14 horas desta terça (25) por falta de licença para funcionamento

Por: Redação VEJASAOPAULO.COM - Atualizado em

  • Voltar ao início

    Compartilhe essa matéria:

  • Todas as imagens da galeria:

Clientes e funcionários da unidade da Renner localizada na Avenida Paulista, 1106, foram surpreendidos na tarde da última terça-feira (25): por volta das 14 horas, a loja foi lacrada por agentes da Subprefeitura da Sé. O estabelecimento permanece fechado na manhã desta quarta-feira.

Sindicato protesta em frente à Schutz na Oscar Freire contra trabalho escravo

Em nota oficial, o órgão informou que a loja não tinha licença de funcionamento e foi autuada pela primeira vez em 2010. "Desde então, outras notificações e multas foram emitidas para a empresa, mas a atividade não foi regularizada."

Ainda de acordo com a Subprefeitura, após a primeira notificação a empresa deu entrada no processo de Auto de Licença de Funcionamento, que foi indeferido. Depois disso, o estabelecimento não retomou o caso. 

Em nota oficial emitida no final da tarde, a assessoria de imprensa das Lojas Renner informou que "já tomou todas as medidas cabíveis para reabrir a loja o mais rápido possível". O espaço de 3 000 metros quadrados foi inaugurado em maio de 2010 e, desde então, não tinha licença para funcionamento.

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO