Protesto

No dia do professor, estudantes vão às ruas pela educação

Manifestação contará com alunos da USP e da Unicamp; Black Blocs também devem comparecer

Por: Redação VEJA SÃO PAULO - Atualizado em

Uma manifestação pela educação está marcada para esta terça-feira (15) a partir das 16 horas no Largo da Batata. O protesto foi chamado por diversos grupos, entre eles estudantes da USP e da Unicamp que pedem pela eleição direta para reitor em ambas as universidades.

Na última quarta-feira (9), alunos da USP promoveram um ato que saiu do Masp, na Avenida Paulista, e seguiu pacificamente até a Assembleia Legislativa, na frente do Parque Ibirapuera. Nesta terça, a ideia é terminar o protesto no Palácio dos Bandeirantes, no Morumbi.

Um outro evento no Facebook, que também convoca para uma manifestação nesta terça, no mesmo local, mas às 18h, tem apoio do grupo Black Bloc. No dia 7 de outubro, um ato terminou com oito pessoas feridas, nove detidas e cinco presas, além de agências bancárias e uma viatura policial quebradas.

Por causa do confronto, o secretário de Segurança Pública Fernando Grella Vieira afirmou no dia 8 que a Polícia Militar pode voltar a usar balas de borracha em protestos, proibidas desde junho.

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO