Ecologia

Parque do Ibirapuera sedia evento em homenagem à Mata Atlântica

Viva a Mata acontece entre 24 e 26 de maio com atividades para sensibilizar as pessoas sobre a importância da floresta

Por: Redação VEJINHA.COM - Atualizado em

SOS Mata Atlântica - Viva a Mata - Origamis - 2012
Oficina de Origamis no Viva a Mata 2012. Evento acontece entre 24 e 26 de maio, no Ibirapuera (Foto: Divulgação)

Entre 9h e 18h dos dias 24 a 26 de maio, às vésperas do Dia Nacional da Mata Atlântica (27), o Parque do Ibirapuera abriga o evento Viva a Mata, com atividades para sensibilizar as pessoas sobre a importância da floresta.

Organizado pela Fundação SOS Mata Atlântica, a iniciativa está na sua 9ª edição. O tema deste ano, Direitos e Deveres Ambientais, será apresentado através de atividades que prometem interatividade entre o assunto e o público.

Serão seis pavilhões construídos entre a Marquise do Ibirapuera e o MAM (Museu de Arte Moderna), com os temas Florestas, Mar, Ambiente Urbano, Água, Mudanças Climáticas e Propriedades Sustentáveis. Cada um deles deve reunir atividades sensoriais, além de exposições de ONGs que lutam pelas mesmas causas.

A programação deste ano ainda terá  uma série de apresentações musicais e de teatros, oficinas, além de uma série de palestras que reunirão no MAM especialistas para debaterem o Código Florestal e a Proteção dos Ecossistemas Costeiros e Marinhos.

SOS Mata Atlântica - Viva a Mata - 2012
Crianças em oficina na edição 2012 do Viva a Mata (Foto: Divulgação)

Confira abaixo a programação completa do evento:

 

  • Pavilhões

Florestas – Uma grande maquete deve simular o ambiente da Mata Atlântica em toda a sua extensão. A maquete terá pontos de observação com lupas para os visitantes explorarem à vontade cada um deles.

Mar – Terá atividade interativa focada no consumo consciente de pescado, com uma atividade que dará ao visitante a sensação de estar no mar. Silhuetas de peixe serão distribuídas pelo pavilhão com informações sobre esses animais, para que as pessoas aprendam sobre quais espécies podem consumir.

Ambiente Urbano – Colocará o visitante como protagonista de suas ações, em sala com fotos que retratam situações do caos urbano. Na parede, buracos com diâmetro grande o suficiente para uma pessoa bisbilhotar, vão refletir a imagem da pessoa em ambiente completamente oposto à sua realidade, como uma praia virgem e livre dos lixos acumulados pelas pessoas.

Água – vai destacar as bacias hidrográficas da floresta, revelando informações como a demanda, vazão, consumo e capitação de cada uma delas.

Mudanças Climáticas – no “Supermercado Consciente – Sua Compra em CO2”, mostrará que toda atividade e serviço geram gases do efeito estufa.

Propriedades Rurais Sustentáveis – através de um labirinto, pretende mostrar que é possível ter uma propriedade rural que cumpra a função de ser produtiva sem agredir o meio ambiente 

 

  • Auditório MAM - Museu de Arte Moderna

Sexta-feira (24)

10h – Lançamento: campanha pelo cumprimento do código florestal – Cumpra-se

12h – Lançamento: GT do Código Florestal da Assembleia Legislativa de São Paulo

14h – Debate: Água e Código Florestal

16h – Debate: Aplicação do Código Florestal

Sábado (25)

10h – Seminário: 25 anos da Constituição Federal e a Proteção dos Ecossistemas Costeiros e Marinhos

14h – Mesa-redonda: Consumo Consciente de Pescado

 

  • Palco

Sexta-feira (24)

09h – Abertura do Viva a Mata 2013

10h – Aula aberta de Yoga

11h – Música: Grupo Embatucadores

12h – Fantoche: Salvando a Mata Atlântica

13h – Oficina e música: Cantando e Brincando com os Pássaros da Mata Atlântica

14h – Contação de história: A lenda do Curucutú

15h – Vivências com a Natureza para a Proteção da Mata Atlântica

16h – Música: Cantos da Mata

Sábado (25)

10h – Aula aberta de ginga

11h – Fantoche: Salvando a Mata Atlântica

12h – Contação de história: Biodiversidade e o Som dos Bichos

14h – Teatro: Os Saltimbancos Voluntários

15h – Fantoche: Salvando a Mata Atlântica

16h – Musica: Muriqui

Domingo (26)

10h – Aula aberta de alongamento

11h30 – Mobilização pelo Código Florestal: Campanha Cumpra-se

13h – Teatro: O rio que sumiu

14h – Vivências com a Natureza para a Proteção da Mata Atlântica

15h – Contação de história: A Flauta do Amor

16h – Teatro musical: Semeando Em Canto

 

  • Sala Exposição Itinerante

Sexta-feira (24)

13h – Palestra: Vivências de Educação Socioambiental na APA Delta do Parnaíba

16h – Palestra: Programa Amigos do Mar

Sábado (25)

10h – Palestra: A Pegada Ecológica em São Paulo

11h – Palestra: Caminhos para uma Economia de Baixo Carbono

13h – Palestra: Novas Metodologias de Restauração de Mata Ciliares e de Reserva Legal

16h30 – Palestra: Tubarões no Limite

Domingo (26)

14h – Palestra: Vida Costeira e Marinha

16h – Roda de Conversa: Mini Documentário – Pimp My Carroça

Fonte: VEJA SÃO PAULO